Publicidade
Cotidiano
Notícias

Agricultores da Martinica e do Amazonas fazem intercâmbio sobre a cultura da banana

Atividade acontecerá em unidade demonstrativa mantida pelo Idam, em área protegida de pragas 06/01/2012 às 16:13
Show 1
Banana pacovã tem boa produção no Amazonas e já começa a ser exportada para outros países
acritica.com Manaus

Agricultores da região da Martinica, localizada nas Pequenas Antilhas e que faz parte do território francês, participam no Amazonas, no próximo dia 17, de um intercâmbio promovido pela Embrapa Amazônia Ocidental, em uma Unidade Demonstrativa de Banana Pacovã, implantada no município do Careiro da Várzea.

Eles vão ao município conhecer de perto a U.D desenvolvida pelo Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (IDAM).

O objetivo do intercâmbio é promover a troca de experiências entre o agricultor local da região e os agricultores estrangeiros, que, também são referência na cultura da banana.

No local, os bananais estão protegidos do fungo sigatoka negra, graças a aplicação de um fungicida desenvolvido pela Embrapa e que é aplicado diretamente na axila da segunda folha da bananeira.

O gerente da Unidade Local do Idam, Ofir Hage, acredita que o evento seja o início de uma relação bastante promissora, tendo em vista a possibilidade de mútua ajuda na troca de conhecimentos e práticas já exitosas nas referidas regiões.

No Amazonas, a produção da banana pacovã chega a 80 mil cachos/mês. O município de Manicoré lidera o ranking. A expectativa é que, em breve, a fruta seja exportada para outros Estados e/ou países.