Publicidade
Cotidiano
Notícias

Amazonino aguarda cirurgia e faz planos para voltar à ativa

Chefe do gabinete civil e amigo do prefeito, Braguinha esteve com Amazonino e disse que ele quer voltar e ir para as ruas 24/08/2012 às 07:45
Show 1
Amazonino Armando Mendes
Lúcio Pinheiro ---

O prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (PDT), será submetido à cirurgia para desobstruir artérias do coração na segunda-feira. Ontem, de acordo com o chefe do gabinete civil de Amazonino, João Coelho Braga, Braguinha, o prefeito estava bem, leu jornais, assistiu televisão e até despachou com ele no apartamento do hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

Até a segunda-feira, o prefeito, que é diabético, segue dieta especial para baixar os níveis de açúcar no sangue. “O prefeito está entusiasmado. Ele disse que isso deu mais força para voltar para a política. Disse que vai voltar com um coração novo e irá para as ruas”, declarou João Braga a A CRÍTICA.

Às 12h40 de ontem, a direção do Sírio-Libanês divulgou o primeiro boletim médico sobre o estado de saúde do prefeito de Manaus. De acordo com a nota médica, Amazonino tem “obstruções significativas” nas artérias do coração. E deverá ser submetido à cirurgia de revascularização do miocárdio (fazer ponte de safena). O texto não diz quantos vasos sanguíneos apresentam obstrução.

João Braga disse que novos exames indicarão quantas artérias apresentam obstrução. “Os médicos estão realizando os exames e esse diagnóstico deve ficar pronto no sábado”, informou o chefe do gabinete civil. João Braga retorna hoje a Manaus, e disse que traz orientações aos secretários enviadas por Amazonino. “Ele quer que todos continuem trabalhando”, comentou.

A CRÍTICA apurou, na terça-feira, que uma das artérias do coração de Amazonino estava 80% obstruída. A lesão foi identificada por meio de um cateterismo cardíaco. Segundo o boletim médico, o prefeito deu entrada no Sírio-Libanês no dia 20 deste mês, para realizar avaliação clínica de rotina.

A secretária municipal de Comunicação, jornalista Celes Borges, que acompanha o prefeito em São Paulo, disse que, pela manhã, além de ler os jornais, o prefeito conversou sobre futebol, o Botafogo (que é o time dele) e recebeu visitas de amigos e parentes. “Ele está bem disposto. Só aguardando o dia da cirurgia”, declarou.

A cirurgia de ponte de safena consiste em reconstruir o vaso sanguíneo lesionado, para redirecionar o sangue que vem das veias para um ponto além do bloqueio arterial. O procedimento é feito com o peito do paciente aberto.

Enxerto

Ouvido pela reportagem, o  cardiologista intervencionista Tales Esper, que atua em Manaus, disse que quando a cirurgia de ponte de safena é realizada em paciente diabético, recomenda-se que o enxerto para redirecionar o sangue seja de artéria, e não de veia. “A chance de 'entupir' o enxerto é menor em pacientes diabéticos quando se utiliza enxerto arterial”, explicou o médico (leia a peça ‘quatro perguntas para’).

Vereadora Marise Mendes fala sobre o estado de saúde do irmão

Irmã mais velha do prefeito Amazonino Mendes, a vereadora Marise Mendes (PDT) disse, ontem, que o procedimento cirúrgico pelo qual o irmão vai passar não é grave. Ela declarou que já fez o mesmo tipo de cirurgia. “A cirurgia é tão simples. A gente nem sente. Coloquei uma ponte de safena e um stentcardiáco (um pequeno tubo), também com o Dr. Roberto Kalil Filho”, disse a parlamentar.

Marise disse que Amazonino “come de tudo”, por isso não consegue manter os níveis de açúcar no sangue normalisados. “Ele não controla. É muito safado. Come tudo. Agora, talvez aprenda a lição (risos)”, brincou a vereadora.

Marise tem 78 anos, Amazonino 72. A vereadora não concorre à reeleição. Disse que não tem mais saúde para se manter na vida pública. Para ela, a saúde do irmão está em parte abalada pelo peso que é administrar Manaus. “Tenho pena do próximo prefeito. Manaus é muito difícil. Infelizmente ele se meteu nessa. Tudo que ele queria fazer não deixavam”, desabafou.