Publicidade
Cotidiano
Notícias

Após 21 anos, empresa volta a fazer transporte intermunicipal no Amazonas pela rodovia BR-319

Moradores de Humaitá e Lábrea poderão voltar a visitar a capital como na década de 70. Em breve novos roteiros deverão ser lançados 07/10/2015 às 18:43
Show 1
A última vez que a empresa operou a linha para o sul do estado foi há exatamente 21 anos
acritica.com* Manaus (AM)

A partir da próxima sexta-feira (9) a empresa Aruanã Transportes volta a desbravar a rodovia federal BR-319 para unir municípios do Amazonas e levar desenvolvimento àqueles mais distantes. Por agora, com a liberação da Arsam Agência Reguladora de Serviços Concedidos do Estado do Amazonas a Aruanã irá fazer o Transporte entre os municípios de Manaus, Humaitá e Lábrea.

A última vez que a empresa operou a linha para o sul do estado foi há exatamente 21 anos. Em breve novos roteiros deverão ser lançados. De acordo com o diretor da Aruanã, Flávio Willer, a retomada das linhas para o sul do Amazonas é um grande marco no desenvolvimento do estado.

"O Amazonas não pode ficar refém do isolamento. Não podemos perder essa oportunidade da ligação rodoviária do Amazonas com o restante do Brasil" afirmou. O superintendente da Arsam, Fábio Alho, disse que isso ajuda o estado inclusive no ramo econômico. "Estamos gerando emprego e distribuição de renda", disse Fábio.

Preço mais acessível

Além do desafio de levar passageiros diariamente para estes municípios, a proposta da ARUANÃ TRANSPORTES é ainda mais ousada: manter o preço acessível a todos os passageiros.

Isso está sendo proposto sem levar em conta os valores abusivos cobrados atualmente pelas empresas aéreas e os preços do transporte aquaviário.

Rondônia fica logo ali

Este é o primeiro passo para a integração do Amazonas ao restante do Brasil. A empresa ainda aguarda aprovação da ANTT para fazer a viagem para Porto Velho, em Rondônia. A partir daí, o Brasil fica mais próximo, já que de Porto Velho as pessoas podem pegar ônibus com outras empresas e seguir viagem para outras cidades do País.

*Com informações da assessoria de imprensa