Publicidade
Cotidiano
Notícias

Aumento dos salários dos vereadores de Manacapuru elevará gastos com subsídios em R$924 mil

Com o aumento de 95% nos salários – que passaram de R$ 4 mil para R$ 7,8 mil -, o valor recebido por eles, jutnos, somados os subsídios, passará de R$ 480 mil para R$ 1,4 milhão 28/12/2012 às 18:11
Show 1
Manacapuru, a 84 quilômetros de Manaus
Ana Carolina Barbosa Manaus

A Câmara Municipal de Manacapuru (a 84 quilômetros de Manaus) terá um impacto financeiro de R$924 mil no próximo ano ocasionado pelo reajuste no salário dos vereadores, aprovado no último dia 17 e publicado nesta sexta-feira (28/12), no Diário Oficial dos Municípios do Amazonas. Hoje, os parlamentares recebem, juntos, R$ 480 mil ao ano somados os subsídios. Com o aumento de 95% nos salários – que passaram de R$ 4 mil para R$ 7,8 mil -, este valor subirá para R$1,4 milhão.

A exemplo do que ocorreu em Manaus, os vereadores de Manacapuru  concederam não só a eles próprios, mas também ao prefeito (80%), vice (71,4%) e secretários (100%), aumento salarial no final da legislatura.

A Lei Municipal 198, publicada na edição desta sexta-feira (28/12), no Diário Oficial dos Municípios, traz os valores para o próximo ano. O próximo prefeito, Washington Régis (PMDB), que volta para a prefeitura para mandato de quatro anos, receberá R$ 18 mil de salários, diferente do atual chefe do executivo, Ângelus Figueira (PV), que ganha R$ 10 mil.

Já o vice-prefeito teve o salário elevado de R$ 7 mil para R$ 12 mil. Secretários, que antes recebiam R$ 4 mil, passarão a receber R$ 8 mil. Os 10 vereadores do município, que recebiam salário de R$ 4 mil, elevaram o subsídio para R$ 7,8 mil.

De acordo com o presidente da Câmara, vereador Anderson José Razori, o ‘Paraná’, o valor dos salários dos vereadores poderia chegar a R$ 11,2 mil, o equivalente a 40% do salário de um deputado estadual. Contudo, a receita do município não estava preparada para tal impacto e, por isso, o reajuste foi de ‘apenas’ 95%.