Publicidade
Cotidiano
Notícias

BR-319 receberá sacos de areia para conter fluxo de águas na pista

A decisão do superintendente DNIT se dei após visita de técnicos do órgão no local durante a tarde desta quinta-feira (17). Os sacos de areia pretendem controlar o nível das águas até chegar as pontes do Exército 17/05/2012 às 20:28
Show 1
A estrada está prestes a ser interditada pela cheia do rio que está a poucos centímetros de invadir a pista na altura do km 55
Mariana Lima Manaus

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes do Amazonas (DNIT-AM) irá colocar sacos de areia em alguns trechos da BR 319 (que liga Manaus a Porto Velho) considerados mais afetados pela subida das águas dos rios. Conforme a orientação do superintendente do DNIT-AM, Afonso Lins, a medida tem como objetivo reduzir, provisoriamente, o volume de água na pista. Três pontes de ferro móveis já foram requisitados do Exército Brasileiro de devem chegar ao município ainda na próxima semana.

Segundo a assessoria do órgão a decisão se deu após visita dos técnicos aos 12 trechos mais afetados durante a tarde desta quinta-feira (17). O quilômetro 55 continua sendo considerado o mais crítico devido a grande quantidade de água no local dificultando a passagem de veículos.

Na semana passada superintendência do órgão já havia decretado situação de emergência devido as cheias solicitando do Exercito Brasileiro três pontes móveis de ferro para auxiliar na travessia. As pontes, que estão vindos de Porto Velho e Roraima devem chegar a Manaus ainda na próxima semana e tem dentre 20 a 50 metros de comprimento e são as mesmas usadas durante as cheias em Porto Velho e Boa Vista.