Publicidade
Cotidiano
Notícias

Brasileiros anulam 9 milhões de votos

Nos quatro mais populosos município do Amazonas, 38.313 eleitores tiveram o voto considerado nulo na eleição para prefeito . Especialistas ouvidos por ACRÍTICA apresentam opiniões diferentes sobre a adoção dovoto nulo como instrumento de protesto e de aperfeiçoamento da democracia. 14/10/2012 às 09:53
Show 1
Especialista em Direito Eleitoral,Leland Barroso explica que voto nulo não provoca a anulação do resultado da eleição
Lúcio Pinheiro Manaus

Os quatro maiores colégios eleitorais do Amazonas, Manaus, Manacapuru, Parintins e Itacoatiara, registraram 38.313 votos nulos nas eleições municipais do dia 7. Em todo o País, 9,1 milhões de eleitores tiveram os votos anulados no primeiro turno da eleição.

O voto é anulado quando o eleitor digita e confirma na urna eletrônica um número que não corresponde a nenhum candidato. Realizar o procedimento de propósito é visto como uma forma de protesto contra os nomes que disputam as eleições.

Todo ano eleitoral, vários grupos pelo Brasil afora, não só pregam a anulação do voto como defendem, de forma equivocada, que o ato pode ser capaz de cancelar o pleito e provocar uma nova eleição, caso os votos anulados ultrapassem 50% do eleitorado.

(A íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).