Publicidade
Cotidiano
Notícias

Cadeirantes podem ter acesso a táxis adaptados no Brasil

Projeto de lei do Senado obriga as empresas de táxis com 20 ou mais veículos a adaptarem para o embarque e desembarque de cadeirantes 21/12/2012 às 10:12
Show 1
Os táxis recebem incentivos fiscais para serem revertidos à sociedade
Marilia Coêlho da Agência Senado ---

Os cadeirantes podem conseguir embarcar e desembarcar de táxis sem ser retirados de suas cadeiras de rodas. É que um projeto de lei do Senado obriga as empresas de táxis com 20 ou mais veículos a adaptarem ao menos 5% de sua frota para o embarque e desembarque de cadeirantes. O PLS 12/2012 é de autoria do senador Sérgio Souza (PMDB-PR) e aguarda relatório na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI).

Em sua justificativa, o senador Sérgio Souza afirmou que os cadeirantes preferem fazer seus deslocamentos, sempre que possível, sem ajuda externa ou sem que tenham de sair de suas cadeiras de rodas.

“Isso porque eles querem se sentir produtivos e capazes de gerir suas vidas sozinhos, como o resto da população”, afirmou o senador.

Sérgio Souza lembrou também que os táxis recebem incentivos fiscais e que esses benefícios devem ser revertidos para a sociedade. O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) foi designado relator da matéria na CI, que ainda deve passar pela Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH).