Publicidade
Cotidiano
Notícias

Caixa-preta do avião em que estava Eduardo Campos já foi encontrada

A polícia e o Cenipa apura as causas e eventuais culpados pelo acidente aéreo desta quarta-feira (13) que vitimou o candidato Eduardo Campos e mais seis passageiros do jato Cessna 560XL, em Santos (SP) 13/08/2014 às 21:12
Show 1
Modelo doo jato Cessna 560XL, usado pela campanha de Eduardo Campos
Sabrina Craide (Agência Brasil ) ---

O gravador de voz da aeronave onde estava o candidato do PSB à Presidência da República, Eduardo Campos, já foi encontrado. A caixa-preta, como o equipamento é conhecido, será transportada para Brasília, onde será feito download (transferência) dos dados e a degravação para apoiar futuras investigações.

De acordo com o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), dez investigadores do órgão estão no local, mas não há previsão para terminar o trabalho. Além da investigação da polícia, que apura as causas e eventuais culpados pelo acidente, o Cenipa apura os fatores do acidente para futuramente emitir recomendações e prevenir novos eventos e melhorar a segurança,

Segundo o Comando da Aeronáutica, a aeronave decolou do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, com destino ao Aeroporto de Guarujá, no litoral paulista. Quando se preparava para pouso, o avião arremeteu devido ao mau tempo. Em seguida, o controle de tráfego aéreo perdeu contato com a aeronave.

A Aeronáutica já iniciou as investigações para apurar os fatores que possam ter contribuído para o acidente. Além de Campos, seis pessoas morreram no acidente, ocorrido na manhã desta quarta-feira em Santos, no litoral de São Paulo.