Publicidade
Cotidiano
Notícias

Conselho de Administração da Superintendência da ZFM faz reunião nesta quinta-feira (30)

Conselheiros vão avaliar pauta com 108 projetos, investimento total de US$ 1,6 bilhão e previsão de gerar 2.438 empregos 29/04/2015 às 20:58
Show 1
Ministro Armando Monteiro participou de evento no Ceará na terça (28), mas enviou Ivan Ramalho (foto) para reunião em Manaus
jornal a crítica ---

O Conselho de Administração da Superintendência da Zona Franca de Manaus (CAS) realiza nesta quinta-feira (30), às 11h, a 269ª reunião ordinária do colegiado. Durante o evento, que ocorrerá no auditório Floriano Pacheco, na sede da Suframa, os conselheiros irão avaliar uma pauta com 108 projetos, sendo 31 de implantação e 77 de ampliação, atualização e diversificação. O investimento total soma US$ 1,6 bilhão, com 2.438 novos empregos.

O secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Ivan Ramalho, deve presidir a reunião do CAS, tendo em vista o recente procedimento cirúrgico ao qual foi submetido o ministro do MDIC, Armando Monteiro.

Dentre os projetos de implantação apresentados à análise do Conselho destacam-se o da empresa TCT Mobile, do segmento Eletroeletrônico, que pretende investir um total de US$ 405 milhões na produção de telefones celulares digitais e gerar 334 novos empregos em três anos. Outro projeto de destaque do mesmo segmento é o da empresa Advanced Optronic Devices, que deve fabricar lâmpadas LED para iluminação de ambientes baseada em técnica digital. O investimento total previsto é de US$ 26 milhões com geração de 84 novos postos de trabalho.

A empresa Medgoldman, do setor Termoplástico, pretende fabricar produtos voltados ao mercado hospitalar, como equipamentos descartáveis de plástico, tubos para coletas a vácuo e agulhas para uso médico. O investimento total anunciado no projeto é de US$ 32 milhões com mão de obra adicional de 207 trabalhadores.

Já a empresa Foxconn apresentou, para análise do CAS, projeto de diversificação para produção de câmeras de televisão para uso em circuito fechado de TV e gravadores/reprodutores digitais de sinais de áudio e vídeo para sistema de segurança. O investimento total anunciado é de US$ 29 milhões com geração de 241 empregos. A Positivo Informática terá avaliado projeto de ampliação para produção de microcomputador portátil que soma US$ 61 milhões e 246 postos de trabalho em até três anos. A Semp Toshiba, com um projeto de ampliação para fabricação de tablets, prevê investimento total de US$ 50 milhões e 214 empregos na sua linha de produção.

Para o superintendente, em exercício, da Suframa, Gustavo Igrejas, “os projetos apresentados à análise do conselho demonstram que o interesse dos investidores no Polo Industrial de Manaus continua forte. É importante ressaltar que, mesmo com as mudanças no cronograma de reuniões do CAS, nenhum projeto deixou de ser aprovado, haja vista a prerrogativa que o superintendente tem de aprovar os assuntos mais urgentes ad referendum”.

Em números

8 meses: tempo que o Conselho de Administração da Suframa (CAS) passou sem se reunir para deliberação de projetos.  A última reunião ocorreu em agosto de 2014. O número reduzido de projetos industriais para análise foi o principal motivo da ausência de reuniões. Hoje, lideranças empresariais devem entregar uma carta ao representante do Mdic com sugestões para fortalecer o modelo.