Publicidade
Cotidiano
energia

Eletrobras Amazonas envia mais 18 geradores para o interior, beneficiando 1,6 mil pessoas

O reforço na energia elétrica previsto é de 124 MW, beneficiando 1,6 mil pessoas em 315 mil domicílios amazonenses. Ao todo, serão atendidas 91 localidades no interior do Estado 13/05/2016 às 17:48 - Atualizado em 14/05/2016 às 11:50
Show balsa
Foto: Divulgação
acritica.com*

Um lote de 18 grupos geradores saiu de Manaus nesta sexta-feira (13) para abastecer o interior do Amazonas. O reforço para a energia elétrica chegará por meio de balsas para os municípios de Fonte Boa, Tonantins, Santo Antônio do Iça, Maturá, São Paulo de Olivença, Benjamin Constant, Juruá, Carauari, Itamarati e Vila Ipixuna.

Essa remessa de geradores integra o total de 159 máquinas adquiridas pela Eletrobras Distribuição Amazonas que já começaram a ser instaladas no interior do Amazonas, com investimentos de R$ 160 milhões. Serão atendidas 91 localidades no interior do Estado, numa ação histórica para a região.

O reforço na energia elétrica previsto é de 124 MW, beneficiando 1,6 mil pessoas em 315 mil domicílios amazonenses. Atualmente, a Eletrobras Distribuição Amazonas possui 380 MW instalados no interior. Após a instalação de todos os novos 159 geradores a  geração no interior terá um aumento de 32,6%.

De acordo com o diretor-presidente da Distribuidora, Antonio Carlos Faria de Paiva, esses novos grupos geradores irão substituir motores ineficientes ou no fim de vida útil. A previsão é concluir a instalação de todos os grupos ainda no primeiro semestre deste ano. “Essa é uma das maiores realizações da Eletrobras no fornecimento de energia para o interior, pelo volume de investimentos e pela quantidade de localidades e indivíduos beneficiados”, destaca Paiva.

Em 2015, foram atendidos 5 mil domicílios por meio do “Programa Luz Para Todos”. Em 2016 serão mais 12 mil unidades consumidoras e 1,5 mil residências por meio do sistema fotovoltaico. Isso representa um acréscimo na carga ao sistema, o que justifica o reforço com os novos geradores para que o interior tenha uma geração mais confiável.

*Com informações da assessoria