Publicidade
Cotidiano
Notícias

Empresa de refrigerantes realiza estudos para produzir sucos de frutas no Amazonas

Empresa ainda realiza estudos para avaliar a viabilidade da produção de concentrados para sucos de frutas no estado 15/04/2012 às 09:18
Show 1
Companhia, que produz aqui os xaropes para refrigerantes, deve responder se instala fábrica de sucos até junho
Priscila Mesquita Manaus

A Coca-Cola Brasil ainda não confirmou se vai, de fato, instalar uma fábrica no Amazonas voltada à produção de concentrados para sucos da marca Del Valle. Segundo o titular da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz), Isper Abrahim, a expectativa do Governo é que a empresa dê um veredito final até junho deste ano.

O Estado vem mantendo diálogo com a multinacional desde o Fórum Mundial de Sustentabilidade de 2011, realizado em março. Durante o evento, o governador Omar Aziz apresentou o projeto para dirigentes da empresa, que realizou testes com 200 espécies frutíferas da região. As pesquisas mostraram que o açaí, o cupuaçu e o camu-camu apresentavam potencial mercadológico.

No entanto, os estudos apontaram que a produção dessas frutas não seria suficiente para atender à escala industrial. “A empresa (Coca-Cola) tem esbarrado nisso, porque depende de áreas produtivas que permitam a fabricação de sucos em grandes quantidades”, explicou Isper.

De acordo com o secretário, o governador Omar Aziz quer que a Coca-Cola adense a cadeia produtiva de refrigerantes e de sucos no Estado.

Esses investimentos ampliariam o retorno deixado pela empresa nas áreas social e tributária. No fim de 2011, Aziz subiu o tom do diálogo, ao dizer que os impostos anuais pagos pela multinacional, da ordem de R$ 62 milhões, são inexpressivos frente ao faturamento que a companhia obtém no Estado (US$ 1,8 bilhão).

Resposta da empresa
Por meio de sua assessoria de imprensa, a Coca-Cola Brasil informou apenas que dirigentes da empresa voltaram ao Estado em dezembro de 2011 para expor seu balanço anual ao governador e aproveitaram o encontro para apresentar novos projetos.

“As ações sugeridas necessitam de estudos mais aprofundados para atingirem o ponto de assinatura de um acordo formal. Os estudos estão sendo feitos e serão anunciados logo que estejam concluídos”, informou a companhia.

CRONOLOGIA

Anos 70
O Grupo Simões, que compõe o Sistema Coca-Cola Brasil, inaugura a Refrigerantes da Amazônia, primeira franquia da Coca-Cola na região Norte.

1990
Instalação da Recofarma Indústria do Amazonas no Distrito Industrial. A empresa é a única fábrica de concentrados para refrigerantes da Coca-Cola em todo o Brasil.

Maio de 2011
Governador Omar Aziz afirma que o presidente da The Coca-Cola Company, Muhtar Kent, viria ao Estado em junho do mesmo ano para anunciar a instalação da fábrica de concentrados para sucos de frutas regionais.

Dezembro 2011
Dirigentes da Coca-Cola retornam ao Estado para apresentar ao governador um balanço de ações e “novos planos” para o Amazonas, que continuam sendo estudados pela empresa.

Março 2012
Empresa anuncia investimentos de R$ 14,1 bilhões para o Brasil até 2016. Objetivo é ampliar presença da Coca-Cola no País, que hoje é o 4° maior mercado da companhia no mundo.