Publicidade
Cotidiano
Carnaval 2012

Escolas de Samba de Manaus já estão em ritmo de carnaval

As nove escolas de sama do grupo especial já começam a divulgar suas atividades e chamam os brincantes para o " aquecimento" 08/01/2012 às 10:32
Show 1
A escola de samba da Zona Leste apresenta o enredo " Quem disse que o mundo vai acabar? A Grande família apresenta o Futuro"
Mariana Braga Manaus

Já começou o Carnaval e a cidade vai ouvir, nos quatro cantos, o ritmo da bateria no aquecimento das agremiações. As nove escolas de samba do grupo especial já começam a divulgar as atividades e chamam brincantes, seus torcedores e adeptos à folia de momo para uma das festas populares do país, a ser realizada no próximo dia 18 de fevereiro, no Centro de Convenções, o Sambódromo.

De acordo com informações da Associação do Grupo Especial das Escolas de Samba de Manaus (Ageesma), o Governo do Estado colaborou com R$ 198 mil, divididos para as nove agremiações, que têm, cada uma, orçamento e planejamento próprios para tocar o desfile. Em uma rápida “sinopse”, o espectador que optar por acompanhar os desfiles da arquibancada, já pode ter uma ideia do que esperar nas apresentações.

Mocidade Independente de Aparecida

Com um orçamento de, aproximadamente, R$ 700 mil, a escola de 31 anos vem com o título: “NNXII” (2012 em algarismo romano) e com o enredo “Meio ambiente, preservação e desenvolvimento sustentável”. De acordo com informações do presidente Luís Pacheco, a agremiação estima desfilar com uma média de 3,8 mil componentes e vai levar à avenida do samba, cinco carros alegóricos, 260 ritmistas na bateria, três casais de mestre-sala e porta-bandeira, 25 alas, sendo uma coreografada, e a tradicional ala das baianas vem com 100 mulheres. A comissão de frente abrirá o desfile com 15 componentes - o limite máximo estabelecido em regulamento.

A Grande Família

Com o orçamento estimado pelo presidente Gilberto Ferreira, em R$ 800 mil, a escola de samba da Zona Leste se apresenta com o enredo “Quem disse que o mundo vai acabar? A Grande Família apresenta o Futuro”.

Ainda de acordo com informações da assessoria de imprensa da escola, a vermelho e branca quer levar à plateia a vibração de cerca de quatro mil brincantes em 28 Alas, cinco carros alegóricos. Tudo ao som dos 300 ritmistas. Serão, também, três casais de mestre-sala e porta-bandeira, sendo um casal mirim. A ala das baianas passará pelo sambódromo com 100 componentes e 15 membros “apresentarão” o desfile na Comissão de Frente. “Vão ter 100 destaques nos carros alegóricos. serão 20 em cada carro”, adiantou o presidente da escola, Gilberto Ferreira.

 Reino Unido da Liberdade

 Com o orçamento estimado pela diretoria em R$ 1 milhão, a escola que arrebatou o título no ano passado tenta o bicampeonato em 2012 levando ao sambódromo cerca de 4,5 mil brincantes, ao som do samba enredo “Uma vez de Dom Bosco, sempre do Dom Bosco”. Serão 36 alas, cinco carros alegóricos, dois casais de mestre-sala e porta-bandeira, sendo um de crianças e 104 baianas que vão sincronizar os vestidos ao ritmo de 300 componentes da bateria.

Vitória Régia

Este ano a escola de samba da Praça 14 vem com o enredo: “O Mundo Mágico chamado Sambódromo” e com R$ 600 mil em caixa. A estimativa é de que 4,5 mil brincantes deem vida aos personagens criados pelos artistas da escola, nas cinco alegorias e 30 alas. Só de baianas, serão 100 a “embelezar” a festa, ao som dos 280 ritimistas. A comissão de frente se apresentará com 13 componentes. “Serão dois casais de mestre-sala e pora-bandeira, sendo dois de adultos e um de crianças”, informou Alexandre Marques, presidente da escola.

 Unidos do Alvorada

O enredo da azul e branca em 2012 é em homenagem ao cantor e levantador de toadas David Assayag: “David Assayag numa Alvorada em Azul e Branco, um canto de luz”. O orçamento para narrar a história do artista do Boi Caprichoso é de R$ 530 mil. Serão 25 alas, cinco alegorias, dois casais de mestre-sala e porta-bandeira, 80 baianas e a comissão de frente com 15 componentes. Duzentos e cinquenta ritmistas na bateria e “uma surpresa que será apresentada no desfile”, de acordo com o presidente Roquelane Alves.

 Balaku-Blaku

A escola, este ano apresenta o enredo: “Embriagados de alegria vamos ficar, com a cerveja mais gostosa é só comemorar” e com o orçamento estimado pela presidência em R$ 500 mil, a escola vai apresentar 22 alas e, aproximadamente, 2,8 mil brincantes. A tradicional ala das baianas desfilará na avenida com 100 mulheres, ao som de 250 ritmistas. Serão três casais de mestre-sala e porta-bandeira, sendo um de adolescente. A comissão de frente terá 15 componentes, além de quatro alegorias, de acordo com a direção da escola.