Publicidade
Cotidiano
Notícias

"Eu fiquei dez anos sem me ver nua no espelho", diz Carey Mulligan

"Sou muito pudica", admitiu a atriz, de 26 anos 16/01/2012 às 09:18
Show 1
A atriz inglesa Carey Mulligan durante o Hollywood Awards Gala, em Beverly Hills, na Califórnia (24/10/11)
UOL/CELEBRIDADES ---

Na pele da desinibida Sissy em "Shame", a atriz Carey Mulligan disse que encontrou dificuldades para desempenhar o papel pois, diferente dela, a personagem é uma exibicionista, muito extrovertida, e chega a aparecer nua em uma das cenas.

"Tive que trabalhar sem inibições. Sou do tipo que não usa biquíni na praia e que anda pela casa de pijamas. Fiquei dez anos sem me ver nua no espelho. Sou muito pudica", admitiu a atriz, de 26 anos. Questionada se sua família não costuma andar nua pela casa, a atriz foi enfática: "Não, não, não, não, não, não". "Eu gritaria se visse alguém da minha família pelado, e vice-versa", afirmou ela entrevista ao jornal "The Guardian".

Carey, no entanto, garantiu que se sentiu à vontade porque a nudez da personagem é "anatômica e não sexual". A atriz contou também que comeu de tudo, e sem culpa, durante as gravações pois, para ela, Sissy não é do tipo que malha.

"Shame" coloca Michael Fassbender ("X-Men: Primeira Classe") no papel de Brandon, nova-iorquino de 30 anos que não consegue controlar sua vida sexual. Carey Mulligan ("Educação") vive a sua irmã, Sissy. O filme é um drama moderno que explora a natureza das necessidades e como as pessoas reagem às experiências que as moldam.

Na entrevista, Carey contou que praticamente implorou ao diretor Steve McQueen para conseguir o papel. No primeiro teste, McQueen disse que ela deveria atuar 16 vezes melhor e chegou, com apenas um gesto, a pedir para que ela deixasse a sala. Ela, então, o convenceu afirmando que nunca um papel a tinha provocado tanto. "Eu nunca havia sentido tanto medo e é exatamente isso que eu quero interpretar". Ainda não há previsão de estreia do filme no Brasil.