Publicidade
Cotidiano
Notícias

Inpa firma acordo de parceria com instituições japonesas

O Instituto de Pesquisas da Amazônia (Inpa) firmou parceria de cooperação científica com duas entidades de pesquisas do Japão. O acordo promete trazer novas perspectivas para projetos desenvolvidos por pesquisadores brasileiros. 31/08/2012 às 18:43
Show 1
Inpa firma acordo de cooperação científica com instituições japonesas
acritica.com Manaus (AM)

Para firmar parcerias com o Instituto de Micologia de Tottori (IMT), e com o Centro de Pesquisas de Vidas Selvagens da Universidade de Kyoto (CPVS), o diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), Adalberto Val, visitou as instituições japonesas para selar os convênios.

Para a pesquisadora do Inpa Noemia Ishikawa, toda troca de informação, ocorrida por meio de apresentações das instituições, servirão para fortalecer ainda mais a comunicação.

“O acordo com o IMT proporcionará suportes legais à projetos na área de biologia, fisiologia e cultivo de fungos. Já o acordo com o CPVS, à projetos sobre biodiversidade e conservação na Amazônia baseada no novo conceito de ‘Field Museum’ ”, explica a pesquisadora Noemia Ishikawa.

Projetos parceiros

Noemia Ishikawa é a coordenadora do projeto que iniciou as atividades de parceria, intitulado:"Avanços na utilização de recursos fúngicos/cogumelos para sustentabilidade da sociedade em harmonia com a natureza".

O convênio tem como principal projeto o de Avaliação da Dinâmica de Carbono na Amazônia (Cadaf), que é coordenado pelo também pesquisador do instituto, Niro Higuchi.

O projeto Cadaf terá duração de quatro anos (2010 a 2013) e dará continuidade as atividades de campo do Pronex (encerrado em dezembro de 2011), parte integrante do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) – Madeiras da Amazônia, coordenado pelo Inpa.