Publicidade
Cotidiano
Notícias

Mensalão: Advogados já defenderam 15 dos 38 réus

Júri do Mensalão continuou nesta quinta-feira com defesas de réus ligados ao Partido Progressista (PP). Mas, antes, haverá a defesa de um dos réus do PT. Até quarta-feira, 15 dos 38 já haviam sido defendidos 09/08/2012 às 17:33
Show 1
Advogado Marthius Sávio Cavalcante Lobato, fez a primeira sustentação oral em defesa do réu Henrique Pizzolato, integrante do PT, e ex-diretor do Branco do Brasil
acritica.com Manaus (AM)

Nesta quinta-feira (09) estão sendo apresentadas as defesas dos réus do PP: Pedro Correa (ex-deputado federal) Pedro Henry (deputado Federal); José Cláudio Genu (ex-assessor do partido na Câmara) e Enivaldo Quadrado (doleiro). Antes, porém houve a sustentação oral em favor do ex-diretor do Banco do Brasil e integrante do PT Henry Pizzolato, pelo advogado Marthius Savio Cavalcante.

Na quarta-feira, 8, advogados defenderam Luiz Guskin, ministro das Comunicações do Governo Lula, o deputado João Paulo Cunha, a ex-vice-presidente do Banco Rural, Ayanna Tenório; Vinícius Saramane, ex-diretor do Banco Rural e José Roberto Salgado, atualmente consultor da empresa Belo Horizonte. 

O Mensalão veio à tona em 2005, na primeira fase do Governo Luiz Inácio Lula da Silva.  O processo tem 38 réus, incluindo membros da alta cúpula do PT, como o ex-ministro José Dirceu (Casa Civil). No total, são acusados 14 políticos, entre ex-ministros, dirigentes de partido e antigos e atuais deputados federais.

Com informações do UOL