Publicidade
Cotidiano
Notícias

Ministro Pepe Vargas lança plano de Agricultura Familiar no Amazonas

Investimento de mais de 135 milhões irá atender 61 mil famílias e tem como objetivo ampliar a produção de alimentos, incrementar a produtividade e melhorar a renda dos produtores. 02/09/2012 às 17:13
Show 1
Ministro lançará programa às 10h na sede do Governo, na Avenida Brasil, Compensa II
acritica. com ---

O governador do Amazonas, Omar Aziz, e o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, lançam nesta segunda-feira, dia 3 de  setembro, o Plano Safra da Agricultura Familiar 21012/2013, destinado ao financiamento de projetos individuais ou coletivos de agricultores familiares do Amazonas.

O lançamento será às 10 horas na Sede do Governo, na Avenida Brasil, bairro Compensa II, e contará ainda com a presença de autoridades e representantes do setor primário do Estado.

Somente para o Amazonas serão liberados R$ 135.694.666,89. Aproximadamente 61 mil famílias da agricultura familiar serão beneficiadas com os recursos no Estado. No geral, o Plano Safra 2012/2013 conta com recursos na ordem de R$ 22,3 bilhões a serem aplicados em todo o país. A verba é para ampliar a produção de alimentos, incrementar a produtividade e melhorar a renda dos produtores.

Para o secretário de produção rural do Estado, Eron Bezerra, o Plano Safra é fundamental para o fortalecimento da agricultura
familiar e está em consonância com o programa Amazonas Rural, implantado pelo governador Omar Aziz para impulsionar o setor.

O Plano Safra da Agricultura Familiar foi criado pelo Governo Federal com o intuito de promover o desenvolvimento do país por meio de um conjunto de medidas executadas pelo Ministério do Desenvolvimento Agrário para qualificar e articular este importante setor produtivo do país.

A ampliação da capacidade de investimento, a proteção e melhoria da renda, o incremento da produtividade, a articulação de políticas públicas, o acesso aos mercadores, o estímulo à sustentabilidade e o apoio à juventude rural são estratégias que têm como foco fortalecer as organizações econômicas da agricultura familiar e estimular a produção sustentável.