Publicidade
Cotidiano
Notícias

Mulher é executada com dois tiros na cabeça na Zona Sul de Manaus

O homicídio ocorreu logo após a doméstica deixar sua residência, na rua 14 de Julho, no mesmo bairro, acompanhada de algumas amigas, com destino à quadra do Grêmio Recreativo Escola de Samba Reuni Unido da Liberdade, no bairro Morro da Liberdade 15/01/2012 às 19:57
Show 1
A doméstica Edleuza da Silva foi morta ao sair de casa, quando seguia para um ensaio de escola de samba com um grupo de amigas
Ana Carolina Barbosa Manaus

A doméstica Edleuza da Silva Costa, 47, conhecida como "Leda", foi assassinada por volta das 17h45 deste domingo (15/01), em uma via conhecida como Rua da Pracinha, Santa Luzia, Zona Sul de Manaus, com dois tiros na cabeça. A polícia informou que o crime tem características de execução.

O homicídio ocorreu logo após a doméstica deixar sua residência, na rua 14 de Julho, no mesmo bairro, acompanhada de algumas amigas, com destino à quadra do Grêmio Recreativo Escola de Samba Reuni Unido da Liberdade, no bairro Morro da Liberdade, na mesma zona da capital, onde elas participariam do ensaio da escola de samba.

No caminho, elas foram abordadas por dois homens em uma motocicleta modelo Fun, de cor preta e placa JXQ-9115. Um deles desceu e efetuou dois tiros na cabeça da vítima, que morreu no local. Segundo informações de amigos e parentes, ela era conhecida no bairro, tinha bom comportamento e não tinha envolvimento com o tráfico. O pai da vítima, Raimundo Moreira Costa, 77, a família não imagina quem seja o autor do crime.

O caso foi registrado no 2º Distrito Integrado de Polícia (DIP), mas será encaminhado à Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) no início da noite.