Publicidade
Cotidiano
SAÚDE

Mulheres do interior do estado recebem tratamento especializado em ginecologia

Projeto realizará exames de colposcopia, coleta de material para biopsia e conização de lesões uterinas 16/08/2017 às 15:59 - Atualizado em 16/08/2017 às 15:59
Show show 1
Programa Ver e Tratar funciona conectado ao Pronto Atendimento Itinerante (Foto: Reprodução/Internet)
acritica.com Manaus (AM)

A Secretaria de Estado de Saúde (Susam) deu início no mês de julho a mais uma etapa do programa de combate e controle ao câncer de colo uterino no Amazonas. Trata-se do programa Ver e Tratar, através do qual um médico ginecologista vai aos municípios do interior do estado realizar os exames de colposcopia, coletar material para biopsia e realizar procedimentos de conização de lesões uterinas.

O secretário de estado de saúde, Vander Alves, explica que o programa funciona conectado ao Pronto Atendimento Itinerante, popularmente conhecido como Barco PAI, programa que leva atendimento social e de saúde aos municípios do interior do Amazonas.

“Nos atendimentos dos Barcos Pai são coletados o material para realização dos exames preventivos, com a tecnologia da citologia em meio líquido. O material é trazido para Manaus e os exames que apresentam algum tipo de alteração são encaminhados para o médico especialista. Nos municípios onde há muitos exames com alterações o médico especialista vai para fazer o exame de colposcopia”, explica Vander.

A colposcopia é um exame de imagem, que permite a visualização do colo do útero para verificar a presença de lesões (feridas). Nos casos em que é identificada a presença de lesões, o médico realiza no mesmo procedimento a coleta do material para realização de biopsia, para diagnóstico ou descarte de câncer de colo do útero.

O secretário também destaca que nos casos em que são identificadas a presença de lesões extensas, no mesmo procedimento também é realizado o tratamento de conização, que consiste na retirada da parte do útero que está lesionada.  

“Nós contratamos um médico especialista, que vai ao município e faz esses três procedimentos de uma só vez. Esse é mais uma ação do governo do estado dentro do programa de combate e controle do câncer de colo do útero no estado do Amazonas”, destaca.

O projeto teve inicio em julho desse ano e o médico já esteve nos municípios de Envira, Ipixuna e Guajará. Nesses três municípios foram realizados um total de 85 exames de colposcopia, 49 biopsias e 13 conizações.

O material coletado para realização das biopsias ainda está sendo analisado. As pacientes que tiverem resultado positivo para câncer de colo do útero serão imediatamente encaminhadas para a Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon) para dar início ao tratamento.

“O objetivo, a curto prazo, é identificar esses casos de forma precoce, tratar e curar essas mulheres. Iremos evitar as mortes por câncer de colo do útero. Somadas as outras ações realizadas pelo estado, como a vacinação contra o HPV, nós pretendemos a longo prazo erradicar essa doença”, disse Vander.

O programa será levado a outros municípios do interior do estado. “A ida do profissional ao município depende dos resultados dos exames preventivos, eles indicam se há demanda para esse serviço. Estamos aguardando os resultados dos últimos exames coletados para programar as próximas viagens”, explica a coordenadora do programa, Carmelita Alves.