Publicidade
Cotidiano
Notícias

No período de férias, atenção na saúde bucal das crianças deve ser redobrada

Longe da escola, pequenos saem da rotina, abusam dos doces e se esquecem de escovar os dentes. Especialista em saúde bucal orienta sobre cuidados e técnicas de escovação 10/01/2012 às 20:34
Show 1
Nas férias, os cuidados com a saúde bucal das crianças devem ser redobrados
acritica.com ---

Em férias escolares, é muito comum que as crianças saiam da rotina necessária para o cuidado com a saúde bucal, esqueçam de escovar os dentes e abusem do seu maior vilão: os doces.

Isso tudo, com certeza, agrava o já comprometido cenário de saúde bucal das crianças brasileiras. Segundo dados do Ministério da Saúde, em 2010, 56% das crianças de 12 anos apresentavam pelo menos um dente com cárie. Entre os pequenos na faixa dos cinco anos, o índice chegou a 60% e com um agravante: 80% não tratavam os dentes de leite.

É na primeira infância que se dá a calcificação dos dentes permanentes. Segundo André Tozi, dentista da Odontoclinic  - maior rede de clínicas odontológicas do País, especialista em ortodontia - a dentição de leite é muito importante para que os dentes permanentes nasçam corretamente.

“Se os dentes de leite caem muito cedo, os permanentes perdem espaço, o que causa o mau posicionamento. Desta forma, é fundamental que os pais cuidem bem tanto dos dentes de leite como dos permanentes”, orienta o dentista.

O especialista alerta que férias é um período no qual os pais devem prestar mais atenção na escovação, principalmente após o consumo de alimentos pegajosos, como alguns doces que grudam na superfície dentária, dificultam a escovação e geram bactérias responsáveis pelas cáries.

“A atenção deve ser redobrada, pois é nesta época em que as crianças mudam a rotina diária e consomem açúcares em maior quantidade, em horários desordenados, o que dificulta o controle dos pais”, alerta Tozi.

A criança deve aprender a importância de cuidar dos dentes e da higiene da boca desde cedo, pois ela precisa ser estimulada e gostar de cuidar dos dentes, orienta o especialista.

"Os pais devem comprar uma escova infantil para motivá-la, que deve ter a cabeça pequena, cantos arredondados e laterais emborrachadas para proteger a gengiva. As cerdas devem ser macias, de pontas arredondadas e tufos frontais mais altos para higienizar os dentes mais distantes”, explica Tozi. 

Para finalizar, o dentista ressalta que toda escovação infantil deve ser supervisionada por um adulto.

Escovação

Veja algumas dicas de escovação, segundo o dentista da Odontoclinic, Rogério Tozi:

Até os dois anos

- Use uma gaze ou uma fralda úmida para limpar as gengivas, mesmo antes de aparecerem os primeiros dentes. Quando estes começarem a nascer, faça da seguinte forma:
- Fique atrás da criança e, com uma das mãos, afaste os lábios e bochechas da criança. Com a outra mão escove o lado de fora e de dentro dos dentes em movimentos circulares;
- Escove a parte de cima dos dentes com movimentos de "vai-vem";
- Escove também a língua e inicie o uso do fio dental.

Sete aos 12 anos

Crianças de sete anos já devem escovar seus próprios dentes da seguinte forma:

- A criança deve manter a boca fechada e escovar os dentes em movimentos circulares do lado de fora;
- Com a boca aberta deve repetir o mesmo movimento no lado de dentro;
- Escove a parte mastigatória dos dentes com movimentos de "vai-vem";
- Escove a língua e use o fio dental. Os pais devem supervisionar a escovação e visitar o dentista regularmente para evitar problemas odontológicos sérios.
- Não deixe que a criança use mais pasta de dente do que o recomendado (tamanho de uma ervilha).

Odontoclinic

 Fundada em 1997, a Odontoclinic é a maior rede de franquias de odontologia em atuação no País. Em 2002, adotou o sistema de franchising – atualmente conta com 140 franquias e quatro unidades próprias. A projeção é de totalizar  500 clínicas em todo o Brasil até 2016.

A companhia conta com todos os tipos de tratamentos na área da Odontologia, como Ortodontia, Clínica Geral, Endodontia, Periodontia, Cirurgia Oral Menor, Odontopediatria, Prótese e Implante.