Publicidade
Cotidiano
Notícias

'Nova fórmula para o Enem' é destacada por Evandro Ribeiro em entrevista

Para se dar bem em exames no pós-ensino médio é preciso saber correlacionar os saberes.  Educador de São Paulo lança em Manaus coleção que ajuda os alunos a fazerem essa correlação na hora das provas 28/09/2012 às 12:54
Show 1
'O Enem é um exame inovador por não cobrar conhecimento de conteúdo simples, levando o aluno refletir sobre o que aprendeu', diz educador
Ana Celia Ossame Manaus

Os estudantes de Manaus vão poder contar, a partir desta semana, com a coleção “Saber”, composta por cinco volumes temáticos, que trazem os assuntos mais recorrentes nos principais vestibulares no país e o Exame Nacional de Cursos (Enem), lançada pelo cursinho da  Fundação PoliSaber, de São Paulo, que assinam o projeto pedagógico da coleção cujo objetivo é apresentar uma forma diferenciada os conteúdos das diversas disciplinas do ensino médio. A reportagem de A CRÍTICA conversou com o gerente da PoliSaber, Evandro Ribeiro, que esteve em Manaus para o lançamento dos primeiros livres da coleção.

A quem se destina a coleção e de que ela trata?

Ela tem como foco alunos do ensino médio, mas também da 7ª, 8ª e 9ª séries do ensino fundamental. É uma nova fórmula para os alunos se prepararem para exames como Enem e traz uma forma de estudar que foge da tradicional divisão de disciplinas.

Qual é a fórmula?

O material está concebido de forma a trabalhar a idéia de mapas conceituais. A cada caderno, o aluno tem um tema gerador, como água, lixo, energia, e a partir dele  disciplinas como Matemática, Português, Química, Física e Biologia conversam entre ela. O tema é desenvolvido entre eixos ou nós conceituais estimulando o aluno a refletir sobre a matéria.

Como ele foi desenvolvido?

Por meio de uma parceria da empresa Cardeal, que produz  cadernos universitários, e a  Poli, que tem 25 anos de experiência em cursinhos pré-universitários.  

Quem criou a metodologia?

A Fundação Poli Saber mantém um grupo de especialistas em conteúdos para o ensino médio. Juntamos os esforços dessas três instituições. O projeto está sendo elaborado há mais de um ano com os cinco primeiros temas, por uma equipe formada por dez professores que trabalham intensivamente.

(A Íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa).