Publicidade
Cotidiano
Notícias

Novo método de tratamento da tuberculose

Uma das drogas que serão usadas do tratamento da doença chama-se ‘Rifampicina’. O medicamento é um antibiótico bactericida considerado um dos agentes antituberculosos ativos mais conhecidos do Brasil 10/12/2012 às 14:19
Show 1
Encontro foi realizado na Fundação de Medicina Tropical em Manaus
acritica.com ---

O encontro para apresentar novidades no tratamento da tuberculose foi realizado na Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) em Manaus. A reunião contou com a participação de profissionais de medicina e representantes da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro.

Segundo informações da diretora presidente da FMT-HVD, Graça Alecrim, os resultados do novo exame chamado GeneXpert, prometem melhorar as condições de saúde dos portadores da doença. O método, segundo ela, é muito mais avançado do que o antigo chamado baciloscopia. A implantação garante um processo mais rápido e eficaz e permite um diagnóstico mais rápido da tuberculose.

Uma das drogas que serão usadas do tratamento da doença chama-se ‘Rifampicina’. O medicamento é um antibiótico bactericida considerado um dos agentes antituberculosos ativos mais conhecidos do Brasil. No entanto, outras drogas serão usadas caso os pacientes apresentem resistência à medicação.

No Amazonas, o método já está instalado em três unidades de saúde: na FMT-HVD e na Policlínica Cardoso Fontes, da rede estadual de saúde, e no Laboratório Distrital Leste (LDL), da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

No Amazonas, o novo método de tratamento será implantado prioritariamente e cidades localizadas em áreas de fronteira, localidades onde morem populações indígenas e onde existam populações carcerárias.

Ainda segundo informações de Graça Alecrim, o objetivo é identificar os resultados discordantes, ou seja, aquelas amostras que foram positivas no GeneXpert, mas negativas na baciloscopia.