Publicidade
Cotidiano
NO INTERIOR

Operação Catita prende dez pessoas por tráfico de drogas em Careiro Castanho

Mais de 2 Kg de entorpecentes e um revólver com numeração raspada foram apreendidos com o grupo. Quatro mandados de prisão preventiva ainda serão cumpridos no âmbito da Operação Catita 18/01/2018 às 19:47 - Atualizado em 18/01/2018 às 19:50
Show whatsapp image 2018 01 18 at 15.03.23
Foto: Divulgação
acritica.com* Manaus (AM)

Dez pessoas que integram uma organização criminosa envolvida com o tráfico de drogas no município de Careiro Castanho (a 102 quilômetros de Manaus) foram presas nesta quinta-feira (18) durante a operação "Catita".

Amanda Diniz dos Santos, 20; Carlos Roberto Reis Oliveira, 47; Cleoberson Cerdeira Lopes, 34; Francisco Mosa Bezerra, 26; Maik Targino de Brito, 25; Pedro Machado da Silva, 60; Rodrigo Pereira da Silva, 23; Sérgio de Lira Medeiros, 34; Nelino Medeiros Castro, 20, e Otávio Filho Maia de Sousa, 20, foram presos em cumprimento a mandados de prisão preventiva por tráfico de drogas, associação para o tráfico e organização criminosa.

A operação "Catita" foi deflagrada por uma equipe da 34ª Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Careiro Castanho em parceria com policiais militares que atuam na Companhia de Policiamento com Cães (CIPCães).

De acordo com o delegado titular da 34ª DIP, Danniel Antony, ao longo das diligências foram cumpridos dez mandados de prisão preventiva, que culminaram, ainda, em três prisões em flagrante, por posse de arma de fogo e de substâncias entorpecentes.

Conforme Antony, com Pedro foi encontrado um revólver calibre 32 com numeração raspada. Em razão disso, o idoso foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo de uso restrito. Sérgio estava em posse de 2,3 quilos de maconha do tipo skunk e 150 gramas de cocaína.

Com Amanda os policiais apreenderam 100 gramas de cocaína. Por conta do flagrante, a dupla foi autuada em flagrante por tráfico de drogas.

“Iniciamos as diligências às 5h desta quinta-feira. Chegamos até essas pessoas após três meses de investigações. Tínhamos quatorze alvos e conseguimos prender dez deles”, contou o delegado Danniel Antony.

Ao término dos procedimentos cabíveis na 34ª DIP, Amanda, Carlos Roberto, Cleoberson, Francisco, Maik, Pedro, Rodrigo, Sérgio, Nelino e Otávio ficarão presos na carceragem da unidade policial, à disposição da Justiça.

Interior

A ação em Careiro Castanho aconteceu simultaneamente à operação “Carão”, deflagrada em Manacapuru (a 84 quilômetros de Manaus), quando seis pessoas envolvidas com o tráfico doméstico de drogas foram presas, em flagrante, e apresentadas nesta quinta-feira (18). Com os infratores os policiais apreenderam substâncias entorpecentes, uma arma de fogo, munições e aproximadamente R$ 9 mil em espécie, oriundos da prática ilícita.

*Com informações da assessoria de imprensa.