Publicidade
Cotidiano
Notícias

Parentes e amigos celebram missa em memória de Carlos Caldas

Missa de  Sétimo Dia será às 19h  na Igreja de São José de Belo Horizonte , em Adrianópolis, zona Centro-Sul 30/08/2012 às 16:33
Show 1
Radialista em um dos seus momentos de trabalho ao lado dos colegas
acritica.com ---

 Familiares, parentes, amigos e colegas de trabalho reúnem-se às 19h desta sexta-feira, na Igreja São José de Belo Horizonte, em Adrianópolis, zona Centro-Sul, para a celebração da missa de Sétimo Dia em memória ao falecimento do radialista Carlos Souza Caldas Cervinka, o Carlos Caldas, falecido no último sábado (25).

Caldas era funcionário da Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom) desde setembro de 1983 e  da rádio A Crítica FM.  Um dos últimos trabalhos na Semcom foi a apresentação do programa Manaus Melhor, ao lado do radialista Augusto Pantoja.  “Nós fomos os primeiros funcionários da Semcom e, sem dúvida, Caldas foi um dos melhores locutores desta terra. Conhecia muito de música. Realmente um grande perda, que deixa mais pobre o rádio amazonense’, lamentou o radialista.

“Conhecia Caldas de vários veículos como a TV Cultura e TV Ajuricaba. E eu o reecontrei aqui na Semcom. Conversávamos sobre vários assuntos, ele com aquela voz maravilhosa, um dom dele. Era um grande amigo”, lembrou a secretária Celes Borges.