Publicidade
Cotidiano
Notícias

Pesquisa revela que população do Norte do País toma pouco cuidado com olhos

Pesquisa nacional mostra que 55% dos nortistas não fazem a consulta anual recomendada pelos oftalmologistas 25/04/2012 às 08:43
Show 1
Resultado da pesquisa Carl Zeiss indicou também que a população do Norte só procura um oftalmologista quanto está sentindo algum problema nos olhos
jornal a crítica Manaus

Uma pesquisa divulgada recentemente por um grupo alemão chamado Carl Zeiss, de tecnologia oftalmológica, que atua no Brasil, revelou que apenas 55% da população da Região Norte consulta o oftalmologista anualmente,  como indicado pelos especialistas. O resultado da pesquisa indica que a maioria dos mil entrevistados procura orientação médica apenas quando começam a sentir algum incômodo nos globos oculares, ou olhos.

“Os cuidados devem iniciar ainda na gestação, pois algumas doenças da mãe podem ocasionar doenças oculares no bebê. Ao nascer é indispensável o ‘teste do olhinho’ para diagnosticar se há alguma alteração. Na infância, durante a fase escolar, também é preciso ter um acompanhamento rotineiro do oftalmologista e que deve se estender pela fase da adolescência até a fase adulta. A cada fase da vida estamos sujeitos a alterações oculares que podem ser tratadas e, em muitos casos, evitar problemas graves como a perda de visão”, alerta o oftalmologista Paulo Roberto Magalhães. Porém, apenas 6% dos entrevistados declarou que nunca tinham feito testes de visão.

O risco de infectar o bebê com sífilis congênita, por exemplo, é grande, caso a mãe tenha sorologia negativa para a doença e se contamine durante a gravidez. No bebê, a doença causa alteração ocular grave com baixa de visão, alterações da retina a até cegueira.

Na adolescência, a microempresária Antonela Vasconcelos, 27, começou a se queixar da dificuldade que tinha para copiar conteúdos de sala de aula escritos na lousa. Mas ela e os pais por muitas vezes adiaram a consulta ao oftalmologista. “Como a dificuldade não era tão preocupante, eu comecei a sentar na primeira fileira de carteiras. Já que eu ficava bem próxima da lousa, conseguia copiar os conteúdos sem que as letras embaraçassem”, comentou.

Mas, o que para ela e para os pais parecia apenas ser um incômodo passageiro, foi diagnosticado como miopia. De acordo com especialistas, o problema, que é um dos mais comuns entre as pessoas, começa a aparecer na pré-adolescência e se estabiliza na adolescência. A miopia compromete a visão à distância ao fazer com que objetos distantes fiquem embaçados.

“Depois de um ano com essa dificuldade, meus pais me levaram ao oftalmologista e já estava começando a ficar avançada a miopia. Hoje tenho que usar óculos pra tudo que faço por ter começado a tratar o problema um pouco tarde”, disse microempresária.

O oftalmologista também reforça que, cada vez mais, adolescentes têm sido diagnosticados com problemas oculares. “Isso é o reflexo do início de um acompanhamento tardio”, salienta Paulo Roberto Magalhães.

Em meio à era da tecnologia, o mundo digital também tem comprometido a saúde dos olhos da população. A Síndrome dos Olhos, nos últimos anos, tem sido uma das doenças que comprometem a visão mais comum. O olho seco é uma doença crônica, caracterizada pela diminuição da produção de lágrima ou deficiência de seus componentes.

De acordo com Paulo Roberto Magalhães, uso prolongado do computador é uma das causas da Síndrome dos Olhos Secos. O oftalmologista aconselha a quem trabalha o dia todo em um ambiente fechado, com ar-condicionado ligado, a fazer pausas, podendo ser a cada uma hora, deixar o monitor abaixo da linha do olhar e sempre lembrar de piscar. “Essa síndrome também pode ser causada pelo tempo excessivo em frente à TV. Neste caso, é preciso ficar atento às crianças, pois muitos pais costumam deixá-las muitas horas em frente à TV”, alerta Paulo Roberto Magalhães.

Quando a síndrome não é diagnosticada e tratada corretamente, pode evoluir para uma lesão da superfície ocular e, em alguns casos, até levar à perda da visão, acrescentou o especialista.