Publicidade
Cotidiano
Notícias

PM admite que houve exagero na proibição do uso do Facebook

A Polícia Militar do Amazonas admitiu, nesta terça-feira (17), que houve exagero na proibição sobre a exposição de fotos de policiais fardados no Facebook e confirmou a correção da portaria publicada no Boletim Geral da PM. De acordo com a 5ª Seção da Polícia Militar, responsável pelo setor de comunicação da corporação, a determinação foi editada de forma equivocada 17/07/2012 às 16:17
Show 1
A Polícia Militar do Amazonas tem um perfil oficial no Facebook
André Alves Manaus (AM)

A Polícia Militar do Amazonas admitiu, nesta terça-feira (17), que houve exagero na proibição sobre a exposição de fotos de policiais fardados no Facebook e confirmou a correção da portaria publicada no Boletim Geral da PM. De acordo com a 5ª Seção da Polícia Militar, responsável pelo setor de comunicação da corporação, a determinação foi editada de forma equivocada.

“Quanto mais público e transparente nosso melhor trabalho, melhor”, disse o tenente coronel Euller Carlos Cordeiro, chefe da 5ª Seção da PM. “Nossa atividade é pública. A gente não tem porque se esconder”, justificou. A proibição havia sido anunciada na última sexta-feira. Ontem, uma nova publicação no Boletim Geral da PM retirou o que Euller Cordeiro taxou de “exageros”.