Publicidade
Cotidiano
Notícias

Polícia prende filho de candidato acusado de ameaçar desembargador Flávio Pascarelli

Jorge de Lima Campos, 28, filho do candidato a prefeito de Manicoré, Jeferson Campos (PTN), foi preso nesta quinta-feira (08), suspeito de ameaçar, por meio de mensagens, o desembargador e presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), Flávio Pascarelli 08/11/2012 às 21:22
Show 1
O presidente do TRE-AM, Flávio Pascarelli, garante ampliar a fiscalização
Camila Pereira Manaus (AM)

Jorge de Lima Campos, 28, filho do candidato a prefeito de Manicoré, Jeferson Campos (PTN), foi preso nesta quinta-feira (08), suspeito de ameaçar, por meio de mensagens de telefone móvel, o desembargador e presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), Flávio Pascarelli.

De acordo com a Polícia Civil, o homem foi preso na rua Eduardo Ribeiro, no Centro do município, em frente ao restaurante Edilza. Quando preso, negou a participação no envio de mensagens, mas foi constatado que o número do celular apreendido correspondia a um dos números que enviou as ameaças. 

Estava a frente da operação a equipe de inteligência da Secretaria de Segurança Pública, com o delegado Mário Paulo Rodrigues, e a 72º Distrito Integrado de Polícia, com o delegado José Humberto.

A assessoria da Polícia Civil confirmou que o suspeito está a caminho de Manaus, onde será ouvido e apresentado. A detenção do suspeito foi feita pela equipe de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) com apoio de policiais civis do 72º Distrito Integrado de Polícia (DIP). 

O desembargador não quis entrar em detalhes sobre o teor das mensagens, mas assegurou que eram ameaças contra ele, contra um juiz e um promotor de Manicoré. Segundo ele, as ameaças foram feitas no dia 28 de outubro, quando ocorreu o segundo turno das eleições municipais. Naquele momento, Pascarelli, então, levou a denúncia a Polícia Civil e Militar.

*Veja reportagem completa na edição desta sexta-feira no jornal A Crítica.