Publicidade
Cotidiano
Notícias

Polícia realiza reintegração de posse e deixa dois mil desabrigados em Iranduba (AM)

Os invasores ocupavam uma área de mais de 48 hectares de terra em um ramal próximo a Iranduba há mais de uma semana 14/05/2012 às 17:12
Show 1
Reintegração de posse em terreno no município de Iranduba, interior do Amazonas
Joana Queiroz e Mariana Lima Manaus

Aproximadamente duas mil pessoas que moravam há mais de uma semana em uma área verde com mais de 48 hectares de terra em um ramal próximo a Iranduba (a 25 quilômetros de Manaus) foram retiradas na manhã desta segunda-feira (14) durante cumprimento de mandado de reintegração de posse.

O mandado foi assinado pelo juiz da comarca de Iranduba, Rafael da Rocha Lima, e obrigou a retirada dos moradores que estavam alojados no ramal Ouro Verde, localizado no quilômetro quatro da estrada Carlos Braga próximo a Iranduba.

Após a reintegração, os invasores se posicionaram em frente a sede da prefeitura e exigiram, com cartazes em mãos, uma reunião com o prefeito Nonato Lopes (PMDB). Segundo os assessores do prefeito, o mesmo não estava no município no momento.

Os manifestantes afirmaram que não possuem casas para morar, pois as mesmas foram afetadas com as cheias dos rios.

A reintegração de posse foi iniciada por volta das 6h, com a chegada do oficial de justiça  Luis Almeida Lorezoni acompanhado por 88 homens do Comando de Policiamento Especial (CPE), composto por policias da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), Batalhão de Choque e Canil da Polícia Militar.