Publicidade
Cotidiano
Notícias

Prefeitura de Itacoatiara gastará R$ 2,5 milhões em combustível durante oito meses

Conforme o extrato do contrato, celebrado em 27 de abril com vigência até 31 de dezembro, as despesas serão empenhadas em nome de quatro Secretarias Municipais 13/06/2012 às 18:22
Show 1
Recurso será utilizado, principalmente, para transportar crianças até as escolas dos municípios
Ana Carolina Barbosa Manaus

A Prefeitura de Itacoatiara (a 175 quilômetros de Manaus) deverá gastar em oito meses mais de R$ 2,5 milhões com combustível para atender às necessidades de 14 secretarias municipais. Segundo o extrato nº 00367P/2012, publicado na edição desta quarta-feira (13/06) do Diário Oficial dos Municípios do Amazonas, o contrato foi celebrado entre o executivo municipal e a microempresa Adriano Marques Franco – ME.

Conforme o extrato do contrato, celebrado em 27 de abril com vigÊncia até 31 de dezembro, as despesas serão empenhadas em nome de três Secretarias Municipais: de Saúde (Semsa) - R$ 1.008.811,50 -, de Administração (Semad) - R$ 559.334, de Educação (Semed) R$ 384.426,50, no desenvolvimento de um programa de Trabalho desenvolvido na área de educação por meio do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) R$ 643.260.

Segundo o prefeito Antônio Peixoto de Oliveira (PT), embora o recurso saia dessas três secretarias, ele abastece as 14 ligadas à prefeitura. Ele justifica que o combustível será utilizado, por exemplo, para abastecer quatro lanchas e seis ônibus escolares utilizados diariamente para o transporte de crianças que residem na área rural do município e para veículos usados em atividades desenvolvidas pela Secretaria do Interior.

Além disso, o combustível abastecerá os geradores que levam energia às comunidades que não foram contempladas pelo programa do governo federal Luz para Todos.

“Estamos entrando na época do início das obras para recuperar ramais e fazer outros novos, o que também demandará combustível. Outra questão é que, entre setembro e janeiro, pagamos seis transportes para conduzir a população do rio Arari, em trechos de difícil acesso, até outras áreas. São 56 comunidades no total”, ressaltou Antônio Peixoto. Ele destacou, ainda, que o valor foi elaborado com base em um cronograma de atividades.

Urnas funerárias

Outra curiosidade contida na edição de hoje do Diário Oficial dos Municípios do Amazonas é a quantia reservada pela prefeitura do município para a prestação de serviços funerários com fornecimento de urnas, cortejo e translado em Itacoatiara.

De acordo com o extrato nº 00369P/2012, cujo contrato foi celebrado com a microempresa Maria Lenice Lopes Ramos, o recurso totaliza R$ 158 mil, com vigência de quase cinco meses (entre 7 de maio e 6 de outubro).

Conforme o prefeito, trata-se de um serviço rotineiro prestado pela prefeitura herdado de administrações anteriores, o que inclui a cobertura dos gastos.