Publicidade
Cotidiano
Notícias

Professores são capacitados na condução de programa de ciências

O ciclo de formação, foi realizado na escola estadual de Tempo Integral Gonçalves Dias, Dom Pedro, Zona Centro-Oeste, e na escola estadual Osmar Pedrosa, bairro Cidade Nova, Zona Norte. 22/02/2013 às 16:27
Show 1
Professores trabalharão um tema científico diferente por semestre
acritica.com Manaus (AM)

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) concluiu nesta sexta-feira (22) um ciclo de formação direcionado a 1.545 professores da rede pública estadual que atuam na capital com conteúdos de Ciências no ensino fundamental.

Ao longo da semana os educadores trabalharam novas metodologias aplicadas ao projeto Eureka, por meio do qual os alunos amazonenses matriculados nos anos iniciais da educação básica têm acesso a atividades experimentais orientadas em sala de aula.

Criado em 2012, o projeto Eureka tem por objetivo estimular o estudo de Ciências por meio de aulas práticas nas turmas dos anos iniciais do ensino fundamental (1º ao 6º ano) na rede pública estadual de ensino do Amazonas. A cada semestre, os professores trabalham um tema em sala de aula.

“Os cursos de formação no início de cada semestre são necessários para que os professores possam conhecer o novo tema a ser trabalhado em cada ano do ensino fundamental. Nos cursos, os professores conhecem o material para trabalhar com os alunos e recebem instruções de como ministrar as aulas. Cada unidade estudada é dividida em 16 aulas”, explicou a coordenadora do projeto Eureka, professora Aline Almeida.

Aline enfatizou que o ciclo de formação foi direcionado a professores que já atuaram no projeto no ano de 2012 e também para os que ingressaram no serviço público neste ano. “A formação abrangeu estes dois públicos e a interação foi muito válida”, frisou.


Lecionado na escola estadual Brigadeiro João Camarão, localizada no bairro São Lázaro, a professora Eline Ramos, 56, já trabalha com o Eureka desde ano passado e avalia positivamente suas propostas.

“O projeto é diferenciado e por conta de sua metodologia, contribui fortemente com o melhor aprendizado dos alunos. Inseridos no projeto, os estudantes passam a atribuir uma importância maior ao estudo de ciências e, inclusive, fazem questão de se aprofundar o conteúdo ensinado na escola, realizando
experiências em suas próprias casas. Nas exposições realizadas eles se sentem verdadeiros cientistas”, relatou a professora.

Coordenado pela Gerência de Ensino Fundamental da Seduc, o “Eureka” tem mudado a concepção de muitos alunos acerca do estudo das ciências naturais. Com materiais diversos para estudo e experimentação, os temas trabalhados pelo projeto nesse primeiro semestre do ano nas escolas estaduais são: “Água” (1º ano do ensino fundamental), “Vida das Plantas” (2º ano), “Solo” (3º ano), “Tempo e Clima” (4º ano), “Corpo Humano “(5º Ano) e “Ecossistema” (6º Ano).