Publicidade
Cotidiano
Notícias

Profissionais que utilizam o AutoCAD ganham força no mercado do Amazonas

O cadista é a pessoa responsável por desenhar ou fazer o projeto num software CAD, conforme as especificações do projetista ou engenheiro.  30/07/2012 às 10:16
Show 1
Professor explica o AutoCAD para alunos do Senai-Am
Aline Cabral Manaus

A vida tecnológica, sempre em expansão, abre portas para novas e, às vezes, nem tão novas profissões no mercado de trabalho. No Amazonas não é diferente, pois com o aquecimento da construção civil e dos projetos tanto de design, como de engenharia ou de arquitetura abriu-se uma necessidade no Estado para os Cadistas, ou seja, pessoas qualificadas em programas de AutoCAD.

Em busca de uma profissão que pagasse bem, Darlene Massulo, 20, resolveu investir suas economias para pagar um curso nesse segmento. A jovem almeja entrar para o mercado de trabalho e com o curso de AutoCAD acha que conseguirá seu primeiro emprego de carteira assinada.

“Pretendo atualizar meu currículo e com o curso sei que as oportunidades vão aparecer. Desde o ano passado queria aprender o AutoCAD para melhorar as minhas chances de emprego”, declarou à jovem.

O cadista é a pessoa responsável por desenhar ou fazer o projeto num software CAD, conforme as especificações do projetista ou engenheiro.   O desenho auxiliado por computador  foi criado e comercializado pela Autodesk, Inc. desde 1982. Um bom Cadista sabe interpretar desenhos dos mais variados tipos e utilizar alguns softwares CAD.

2D e 3D
Hoje quando falamos em CAD, estamos falando tanto em softwares para criação de desenhos 2D bem como 3D, e este em plena ascensão.

”O AutoCAD serve tanto para trabalhos para implementação de projetos de sistemas eletrônicos, desenhos, plataformas, mercado da construção civil com as plantas baixas, na mecânica, elétrica dentre outros, ou seja, o profissional que possui esse curso tem um diferencial e chance de ingresso no mercado“, completou o professor de AutoCAD, da Escola Senai Demóstenes Travessa, e também publicitário, Vinícius Pontes Rodrigues.

Quem já possui uma profissão também busca qualificação, muitos profissionais estão aprendendo sobre o curso como forma de enriquecer o seu trabalho. Como no caso dos militares Augusto Santos, 42, e Eduardo Lima, 21, ambos são sargentos da aeronáutica.

”Aprender sempre é um bom negócio onde estivermos, pois com esse programa podemos ter mais progresso em nosso trabalho“, destacou  Augusto. ”Como o certificado Senai é o mesma por todo o Brasil, portanto, os alunos têm essa credibilidade em se destacar aqui no Estado e fora dele“, disse.

Curso pode ser feito pelo Senai Amazonas
As inscrições podem ser feitas na  Escola Senai Demóstenes Travessa, avenida Rodrigo Otávio, nº 510, Distrito Industrial. O curso com duração de 50h é o Auto CAD 2D, o básico com valor de R$500. Contato: 3614-5900/5901.

R$ 2 mil é o salário dos profissionais dessa área. Um cadista pode trabalhar para empresas ou prestar serviços. Em média os projetos custam R$ 300.