Publicidade
Cotidiano
Notícias

Rede Calderaro recebe Cruz Peregrina neste sábado

Evento faz parte da Jornada Mundial da Juventude que está em Manaus 22/09/2012 às 10:22
Show 1
Símbolo percorreu ruas do Centro da cidade e pontos como hospitais
Jornal Acrítica ---

A Rede Calderaro de Comunicação e outros veículos, situados no bairro Aleixo, na Zona Centro-Sul, recebem, na manhã deste sábado (22), a Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora, símbolos da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que estão percorrendo a Arquidiocese de Manaus esta semana.

A parada para a acolhida dos dois símbolos servirá de momento de reflexão sobre o tema “Juventude e questões midiáticas”. “Pensamos que os meios de comunicação são instrumentos de educação, ética, de paz, defesa da vida, solidariedade, de verdade... Então, queremos refletir sobre isso”, disse o coordenador da peregrinação, padre Alcimar Araújo, lembrando que há muitos jovens na área de Comunicação Social.

A jornada deste sábado começou com uma missa na Catedral Metropolitana de Manaus, Centro, e os símbolos da peregrinação continuaram o percurso por hospitais e ruas do Centro.

A previsão é concluir a programação de hoje com o show “Bote fé”, que contará com atrações nacionais e locais, no Centro de Convenções, o Sambódromo, Zona Oeste, a partir das 15h.

Encontros

Na sexta (21), as reflexões da jornada foram feitas com jovens estudantes católicos, indígenas e presidiários do Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat), localizado no km 8 da BR 174 (Manaus - Boa Vista), e seguiu para a Fazenda da Esperança, no km 14 do ramal Cládio Mesquita, localizado na mesma rodovia.

Os jovens indígenas de várias etnias, tiveram o encontro marcado com os símbolos na praça Dom Pedro II, Centro, onde cantaram, rezaram, e manifestaram os problemas sofridos pelas aldeias no Amazonas, como drogas e alcoolismo.

À noite, foi a vez dos jovens católicos da Zona Leste, das comunidades dos bairros Cidade de Deus e Alfredo Nascimento, fazerem reflexões sobre os problemas que mais os atingem.

A Cruz

A cruz da JMJ ficou conhecida por diversos nomes: Cruz do Ano Santo, Cruz do Jubileu, Cruz da JMJ, Cruz Peregrina, e muitos a chamam de Cruz dos Jovens porque ela foi entregue pelo Papa João Paulo II, em 1984, aos jovens para que a levassem por todo o mundo, a todos os lugares e a todo tempo.

A cruz de madeira tem 3,8m Em 1994 começou um compromisso de passar pelas dioceses do todo o País.