Publicidade
Cotidiano
Notícias

Setor de hospedagem na RMM pode abrigar 17,6 mil pessoas, segundo IBGE

A Pesquisa de Serviços de Hospedagem - PSH 2011, realizada pelo Instituto em parceria com o Ministério do Turismo, revelou que os estabelecimentos de hospedagem localizados na Região Metropolitana de Manaus (RMM), são constituídos predominantemente por hotéis (inclusive hotéis históricos, resorts e hotéis-fazenda), que respondem por 58,1% do total, seguidos por motéis,com 22,3%, e pousadas, com 15,6% 25/04/2012 às 12:38
Show 1
Sobre as categorias, a pesquisa revelou que 10,6% dos estabelecimentos da Região Metropolitana de Manaus são considerados de luxo ou superior/ muito confortável
Acrítica.com Manaus

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta quarta-feira (25), um ‘retrato’ sobre a situação do setor de hospedagem na Região Metropolitana de Manaus (RMM).

De acordo com o resultado da Pesquisa de Serviços de Hospedagem - PSH 2011, realizada pelo Instituto em parceria com o Ministério do Turismo, os estabelecimentos de hospedagem da RMM podem hospedar 17,6 mil pessoas.

A pesquisa revelou que os estabelecimentos de hospedagem localizados na região são constituídos predominantemente por hotéis (inclusive hotéis históricos, resorts e hotéis-fazenda), que respondem por 58,1% do total, seguidos por motéis,com 22,3%, e pousadas, com 15,6%. Seguem-se os estabelecimentos com menor expressividade, como apart-hotéis/flats, com 0,5%, pensões de hospedagem inclusive estabelecimentos do tipo cama e café ou pousadas domiciliares), com 2,2%, albergues turísticos, com 1,1%, e outros (campings, dormitórios, hospedarias, etc.), com 0,0%.

Sobre as categorias, a pesquisa revelou que 10,6% dos estabelecimentos da Região Metropolitana de Manaus são considerados de luxo ou superior/ muito confortável, entendidos como aqueles com elevados padrões de conforto, considerando-se os padrões de decoração, mobiliários, aparelhos, instalações sociais e esportivas e atendimento.

Dessa forma, 89,2% dos locais encontram- se nos padrões de médio e baixo conforto/qualidade dos serviços, sendo 24,5% considerados turístico/médio conforto, 40,2% econômicos e 24,5% simples. Os hotéis de Manaus concentram uma maior proporção das categorias luxo e superior/ muito confortável, que constituem 8,3% dos estabelecimentos. Na sequência encontram-se os motéis, com 1,6%. Os estabelecimentos com padrões inferiores de conforto também estão mais concentrados em hotéis (33,5%), móteis (13,9%), pousadas (13,9%), pensões de hospedagem, nos albergues turísticos e em outros tipos (dormitórios, hospedarias, etc.).

O IBGE apontou as melhorias no serviço de hospedagem como um dos principais desafios da cidade para o evento da Copa do Mundo de 2014. O campeonato mundial trará à cidade milhares de turistas.