Publicidade
Cotidiano
Notícias

Tribunal de Contas suspende concurso da Semsa, em Manaus

Conforme auditoria, o certame está repleto de irregularidades que precisam ser sanadas imediatamente, caso a Prefeitura de Manaus não queira que o mesmo  seja cancelado 01/06/2012 às 18:25
Show 1
Candidatos em frente a um dos locais de prova, no domingo (27), do concurso da Semsa
acritica.com Manaus (AM)

Atendendo uma representação da procuradora de Contas Elissandra Freire, a auditora Yara Lins suspendeu, por meio de medida liminar, no início da tarde desta sexta-feira (1º de junho), o concurso público da Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Manaus, que teria provas no próximo  domingo (3).

Segundo Yara Santos, o certame está repleto de irregularidades que precisam ser sanadas imediatamente, caso a Prefeitura de Manaus não queira que o mesmo  seja cancelado. O prefeito de Manaus, Amazonino Mendes, e o secretário municipal de Administração,  José Antonio Ferreira de Assunção, foram notificados pelo TCE a responder, por um prazo de 15 dias, sobre as irregularidades encontradas.

As informações são da assessoria do TCE. Minutos antes, a Secretaria Municipal de Administração havia informado que não fora notificada quanto à suspensão.

Essa declaração, no entanto, fazia referência à ação do Ministério Público Estadual, contra o concurso, impetrada no Tribunal de Justiça do Amazonas (TJA). Nesse caso, a Justiça ainda não se pronunciou. A medida do TCE é paralela à que pode, porventura, ser decretada pelo TJA.

O concurso público da Semsa aconteceu no dia 27 de maio, mas teve parte de sua aplicação adiada para este domingo, dia 3, após registro de problemas de atraso na entrega de algumas provas na unidade de realização da Faculdade Fametro.