Publicidade
Cotidiano
Notícias

Vice-governador do Amazonas, José Melo, diz que conhecimento sobre segurança para grandes eventos ficará como legado para o Estado

O objetivo do Congresso é discutir as ações táticas da polícia que são executadas em eventos de maior porte, a exemplo da Copa de 2014, que contam com grande concentração de pessoas. 19/11/2012 às 22:21
Show 1
O objetivo do Congresso é discutir as ações táticas da polícia
acritica.com Manaus (AM)

O vice-governador do Amazonas, José Melo, reafirmou que a Segurança é uma prioridade na gestão Omar Aziz durante a abertura do Congresso Internacional de Segurança para Grandes Eventos (CIS-Manaus), que iniciou nesta segunda-feira (19), e que se estende até o dia 22, no Tropical Hotel, na Zona Oeste de Manaus. O congresso reúne policiais militares de todo o país, oficiais das Forças Armadas, especialistas e empresas do segmento de segurança pública.

“A Segurança é um dos itens mais importantes do nosso governo. O conhecimento adquirido aqui vai ficar como legado. Após a Copa, passaremos a ter experiências novas que servirão para aprimorar o nosso sistema. Teremos a oportunidade de absorver tudo o que os outros países já fazem e, somando ao que já fazemos aqui, tenho certeza que iremos melhorar ainda
mais o nosso sistema de segurança pública”, disse José Melo, destacando que a grande beneficiada será a população amazonense.

O objetivo do Congresso é discutir as ações táticas da polícia que são executadas em eventos de maior porte, a exemplo da Copa de 2014, que contam com grande concentração de pessoas. Para isso, os estudiosos vão debater técnicas policiais de tiro, de uso diferenciado da força, de material, tecnologias e equipamentos utilizados por forças de segurança de outros países.

De acordo com a organização do evento, esta será uma oportunidade para discussão do emprego adequado de armamento, técnicas, tecnologias e equipamentos disponíveis no mercado, que possam ser integrados para proporcionar o melhor desempenho das atividades a cargo das Polícias Militares. Outra meta do congresso visa contribuir para integração entre os
diversos organismos que deverão trabalhar em conjunto durante os jogos da Copa do Mundo nas 12 cidades brasileiras, incluindo Manaus, que vão receber o Mundial.

Um relatório contendo uma carta de intenções será elaborado ao final do CIS-Manaus e será enviado à Secretaria Nacional de Segurança Pública, vinculada ao Ministério da Justiça. O documento também poderá ser usado pelos participantes do evento nas suas respectivas corporações.

Palestrantes

A palestra que abriu a programação do CIS-Manaus abordou o tema "Segurança Pública e Privada: Sustentabilidade Social e Cidadania - Desafios para o Brasil". O assunto foi explanado por Rodrigo Pimentel e Diógenes Lucca, ambos são comentaristas de segurança da Rede Globo. Os especialistas apresentaram um panorama sobre a Segurança Pública e Privada na linha do tempo e os conflitos da sustentabilidade; experiências de sucesso de outros grandes centros urbanos, entre outros fatores que envolvem o tema.