Publicidade
Cotidiano
Notícias

Vítima de tráfico humano Bruno Amaral volta a Parintins

 Caso do travesti 'Bruna Valadares' foi destaque até no Jornal Nacional, Bruna chorou ao reencontrar família no último sábado (10). 11/11/2012 às 15:36
Show 1
Bruna Valadares era só sorriso e lágrimas ao reecontrar a família
Jonas Santos Parintins (AM)

“Não quero que as pessoas passem pelo que eu passei”, disse o travesti Bruno Amaral do Carmo, 27, a “Bruna Valadares”, que chegou na madrugada deste sábado (10) a Parintins. Bruna chorou no reencontro com familiares e amigos no aeroporto.

Ele foi vítima da rede de tráfico humano, em São Paulo, onde passou quatro meses. Bruna foi recrutada pela travesti identificada como Eva Tompson, com a promessa de receber implantes de silicone. Em São Paulo, Bruno foi feito escravo sexual com outros travestis.

Passava o dia aprisionado em uma casa, liberado somente à noite para fazer programas. Era espancado e foi ameaçado de morte, até conseguir fugir em outubro.