Publicidade
Eleições
BALANÇO

PF registra 18 notícias-crimes durante o segundo turno das eleições no AM

De acordo com o órgão, foram nove ocorrências somente em Manaus, a maioria de transporte irregular de eleitores . 27/08/2017 às 16:05
Show whatsapp image 2017 08 27 at 15.37.06
(Foto: Geizyara Brandão)
Geizyara Brandão MANAUS

A Polícia Federal registrou 18 notícias-crimes no Amazonas durante as eleições suplementares para governador do Estado, segundo o chefe da unidade de repressão a crimes eleitorais da  Polícia Federal (PF), delegado Marcelo Bertolucci. 

São nove ocorrências somente em Manaus, duas em Parintins, duas em Maués, uma em Tefé, duas em São Gabriel e duas em Nhamundá.

Os tipos de crimes eleitorais apurados são de transporte ilegal de eleitores, em que a pena máxima é seis anos.  Bertolucci classifica como tranquila a eleição suplementar. "Nos meus 20 anos de delegado trabalhei em 10, 12 eleições. [...] Está muito calmo. Não sei se é porque são eleições suplementares e tem poucos candidatos. A praxe é termos centenas de ocorrências", afirmou.

Sábado
Na noite de ontem (26), o delegado da PF relatou que houve uma suspeita de 'derrame de dinheiro' por parte de um vereador.  A PF, atuando como polícia judiciária eleitoral, apresentou o pedido de investigação e o juiz deferiu, mas nada foi encontrado no local. 

Em ato contínuo, a equipe se deslocou na AM 240, na estrada de Balbina, e encontrou um vereador com festividade e diversas requisições de combustíveis - de cinco a 20 litros. "Foram apreendidos todo esse material para ser prestado esclarecimento na segunda-feira", explicou o delegado.

Ainda em Balbina houve uma tentativa de homicídio que, segundo ele, pode ter relações com o período eleitoral.

Publicidade
Publicidade