Publicidade
Entretenimento
Buzz

Aos 66 anos, morre no Rio de Janeiro o cantor Emílio Santiago

O País acordou nesta quarta-feira (20) com a notícia da morte do cantor, que estava internado no CTI do Hospital Samaritano desde o dia 7 de março, após sofrer um acidente vascular cerebral isquêmico (AVC) 20/03/2013 às 09:39
Show 1
O cantor Emílio Santiago morreu nesta quarta-feira (20). Ele estava internado desde o dia 7 de março após sofrer um AVC
acritica.com Manaus

Morreu nesta quarta-feira (20) o cantor Emílio Santiago aos 66 anos. Ele estava internado no Centro de Terapia Intensiva (CTI) do Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, desde o dia 7 de março, após sofrer um acidente vascular cerebral isquêmico (AVC). A informação da morte foi confirmada pela assessoria da unidade hospitalar, que ainda não divulgou a causa.

O cantor iniciou a carreira na década de 70 e gravou grandes sucessos como Saygon, Lembra de Mim e Verdade Chinesa.

O primeiro LP foi lançado em 1975, com canções de compositores como Ivan Lins, João Donato, Jorge Benjor, Nelson Cavaquinho, entre outros.

O mais recente CD foi "O melhor das aquarelas ao vivo", em que regravou músicas do álbum "Aquarela Brasileira".

Repercussão

Amigos e fãs famosos do cantor prestaram suas homenagens ao artista pelo Twitter e Instagram logo cedo. A atriz Solange Gomes foi uma delas. "Notícia triste!!! A música brasileira perder Emílio Santiago, voz linda, um talento! Que Deus cuide da sua nova viagem e de seus familiares", escreveu em sua página.

O autor Aguinaldo Silva também fez sua declaração: "Morreu Emílio Santiago, o último cantor de verdade do Brasil. Cantoras temos muitas, compositores também. Mas cantores... Ele era o único". Já Gloria Perez admitiu estar "triste demais" com a perda de Emíllio.

O cantor será sepultado nesta quinta-feira(21), às 11h, no Memorial do Carmo, no Caju, região portuária do Rio de Janeiro.