Publicidade
Entretenimento
Arvorismo indoor

Aventura radical para toda a família em Manaus

O mês de julho trás um esporte ecologicamente correto e radical para a criançada e toda a família encararem desafios 09/07/2012 às 14:24
Show 1
Arvorismo indoor é opção para garotada nas férias
acritica.com Manaus

As férias de julho prometem muita aventura para toda a família. A proposta é do Amazonas Shopping que está oferecendo uma opção que pode ser curtida por crianças a partir dos 3 anos até adultos com até 100 quilos.  O circuito de arvorismo indoor vai ficar na praça central do centro de compras e lazer até o dia 19 de agosto.

No percurso, a altura do trajeto varia, mas são muitos obstáculos, incluindo pontes de corda, redes, troncos, discos de madeira, cabos, escada horizontal e muitos outros que garantem o desafio no circuito.

Para começar, os participantes sobem em uma torre com duas plataformas. A partir daí, após serem equipados com cadeiras, capacetes e todo o equipamento de segurança necessário, recebem as instruções de monitores treinados para começar a aventura. O destaque fica por conta de uma tirolesa.

Fora do percurso, assim como a tirolesa, também há uma parede de escalada e um eurobungy que vai levar toda a garotada às alturas, com direito a piruetas e muito mais.

O circuito de arvorismo propriamente (incluindo os obstáculos nas pontes) custa R$ 15. Já o ‘combo adventure’ (circuito das pontes + tirolesa) sai a R$ 20. O ‘combo extreme’ (circuito das pontes + tirolesa +parede de escalada) sai por R$ 25 e o ‘eurobungy’ ( 4 x 1), custa R$ 15 por 3 minutos.

O horário de funcionamento do brinquedo é o mesmo de atendimento do shopping, ou seja, de segunda a sábado das 10h às 22 horas; e aos domingos e feriados, das 12h às 22 horas.

Curiosidades  

O arvorismo é um esporte que proporciona aventura aos participantes, bem como a interação com o meio ambiente, atuando como forma de desenvolvimento humano junto à natureza e fomentando a conscientização ambiental. Segundo a versão mais difundida, o esporte surgiu nos anos 80, na Costa Rica, onde cientistas pesquisavam a fauna e a flora de cima das árvores e, para evitar subidas e descidas constantes, resolveram criar uma forma de passar de um galho para o outro.

Mais tarde, a França e a Nova Zelândia adotaram a ideia como esporte de aventura. A Inglaterra conheceu o arvorismo em 1997, quando ativistas ecológicos utilizaram a prática para evitar a devastação de uma floresta.

No Brasil, o esporte chegou em 2001, com sua versão em florestas e parques temáticos. Somente em 2007, foi instalada uma versão de arvorismo indoor.