Publicidade
Entretenimento
Vida

Banda Moinhos de Vento faz show de aniversário nesta sexta-feira (01)

A banda comemorará o primeiro aniversário no Escritório Chopp & Grill, localizado na Avenida do Turismo, 1313, bairro Tarumã, em frente ao antigo Celeiro Country, às 22h. O grupo é conhecido pelo culto à MPB e pela multiplicidade de funções musicais entre os membros da banda 25/02/2013 às 13:01
Show 1
Zezinho Corrêa e Eraldo Bandeira farão participações especiais no show de aniversário
Laynna Feitoza Manaus, AM

A música popular brasileira em Manaus estará em festa na próxima sexta-feira (01). Tudo por conta do show de aniversário de um dos seus representantes na cidade: a banda Moinhos de Vento. O evento acontecerá no Escritório Chopp & Grill, localizado na Avenida do Turismo, 1313, bairro Tarumã, em frente ao antigo Celeiro Country, às 22h. Os ingressos serão vendidos no local do evento, no valor de R$ 10.

A banda, composta por Caio Camargo (saxofone e voz), Leonardo Gomes (teclado e violão), Rodrigo Torres (contrabaixo) e Josias Júnior (bateria) comemorará um ano de existência. “Nosso estilo é a música popular brasileira, mas nos nossos shows rola de tudo um pouco. Fazemos versões de músicas de outros ritmos, trazendo-as para a MPB”, ressaltou o vocalista Caio Camargo, em entrevista ao acritica.com.

Fãs pediram show

A decisão de fazer um show de aniversário para a banda - que já possui público seleto na capital amazonense e costuma fazer shows de quarta a domingo em shoppings, bares e estabelecimentos do gênero em Manaus – foi tomada em meio aos pedidos dos fãs e à celebração de um novo momento do grupo, afirmou Caio.

"Nós estamos com uma formação fixa agora. Sentamos com os integrantes e achamos melhor fazer um aniversário para a banda, até mesmo porque muitas pessoas que gostam do nosso estilo pediram por isso. Tem sempre um público que está com a gente, vai aos nossos shows e ajuda a divulgar nosso trabalho”, complementou.

Surpresas

O show de aniversário será cercado por surpresas, assegurou Camargo. Dentre o que pode ser revelado agora estão as participações de artistas regionais como o cantor Zezinho Corrêa (padrinho da banda), Ketlen Nascimento, Eraldo Bandeira e Isaac Amorim, da banda Heroes, e nacionais, como o rockeiro Luso Neto, de São Paulo.

“O que podemos adiantar é que vamos tocar de Cazuza a Geraldo Azevedo. Estamos preparando um show mais dançante, já que o nosso som é mais puxado pro groove”, pontuou o saxofonista-vocalista, lembrando que outros artistas da MPB também são alvo das homenagens da banda, como Luiz Gonzaga, Alceu Valença, Djavan, Sandra de Sá e Tim Maia.

Multiplicidade de funções

A multiplicidade de funções musicais entre os membros da banda reflete o cuidado em produzir um som de qualidade, salientou Caio, que se divide, nos shows, entre o saxofone e os vocais. Além dele, o tecladista Leonardo Gomes também acumula, junto aos toques dos teclados, a responsabilidade de dedilhar os violões.

“Eu acredito que conseguimos fazer com quatro pessoas o que se pode fazer com mais. Se fechar os olhos, é como se tivesse o som de sete a oito instrumentos, o que é um ponto bem especial. Mas fazemos tudo com cuidado, para se dividir entre dois instrumentos em um show é necessário agilidade”, completou o vocalista.

História

De acordo com ele, a banda possui o nome ‘Moinhos de Vento’ por estar sempre em movimento, assim como o objeto. “Cada palheta do moinho representa um integrante da banda”, assegurou. A banda teve início no início de 2012 por intermédio do Leonardo Gomes, e a ideia do nome também partiu dele. “Ele tocava com um outro rapaz que era da Paraíba e teve que voltar pra lá. Já que eu encontrei o Léo, decidimos então montar uma banda diferente, onde o vocal toca sax, o tecladista toca violão, entre outros”, acrescentou Caio.

Zezinho Corrêa: o 'padrinho' da banda

O cantor Zezinho Corrêa foi definido por Caio como o ‘padrinho’ da banda. O vocalista contou que conheceu Zezinho já no cenário musical. “O Zezinho Corrêa sempre ajudou a gente com a banda, desde o início, mostrando diversas vezes o nosso trabalho. Ele chega pra mim e fala ‘Eu sou teu fã’, e digo que sou fã dele. Ele possui uma humildade admirável, sem falar que é um dos melhores artistas de Manaus”, declarou. A parceria entre Zezinho e a Moinhos de Vento envolve participações da banda em shows do cantor, e vice-versa.

Projetos

Em relação aos projetos para o futuro, Caio anunciou que a Moinhos de Vento irá lançar o primeiro CD, intitulado ‘Plano B’, no fim de março. “O disco terá dez faixas. Vamos ter músicas autorais, como a canção ‘Meu Grande Amor’, que é uma das nossas músicas de trabalho, e regravações de músicas de artistas da cidade, que ainda não podemos revelar”, finalizou Camargo.

Confira o vídeo da banda Moinhos de Vento aqui.