Publicidade
Entretenimento
Vida

Banda Rosa de Saron em Manaus neste domingo (25)

Canções do novo trabalho estão garantidas no repertório do show, como “Máquina do tempo” e “Cassino Boulevard”, além dos clássicos “Sem você” e “Do alto da pedra” 23/11/2012 às 08:19
Show 1
O Rosa de Saron já ganhou duas indicações ao Grammy Latino
Rafael Seixas Manaus, AM

O rock católico ganhou nos últimos anos uma difusão expressiva no País. Isso se deve, em parte, ao trabalho desenvolvido pela Rosa de Saron. A banda conseguiu quebrar uma barreira delicada, conseguindo se firmar numa grande gravadora como a Som Livre, ganhando vários prêmios, além de duas indicações ao Grammy Latino. Neste domingo, dia 25, o grupo de Campinas (SP) se apresenta em Manaus, a partir das 18h, no Planeta Talismã, trazendo à cidade a turnê do álbum “O agora e o eterno”.

Segundo Rogério Feltrin, baixista da Rosa de Saron, os manauaras sempre foram calorosos com a banda. “Tenho memórias de shows marcantes na cidade, não só de muita gente, mas do público cantando junto”. Ele relembra, ainda, que teve a oportunidade de conhecer – numa de suas passagens – o Teatro Amazonas e a região central.

“Tudo é muito bonito. Essa é uma região diferente da nossa. Existe essa curiosidade do brasileiro e do mundo em relação à Amazônia. Sobrevoar (o Estado) é muito legal, porque podemos ver os rios”.

Um pouco de tudo

Canções do novo trabalho estão garantidas no repertório do show, como “Máquina do tempo” e “Cassino Boulevard”, além dos clássicos “Sem você” e “Do alto da pedra”. Ao todo, “O agora e o eterno” traz 17 faixas inéditas, que exploram temáticas de protesto, oração, conscientização e  romance.

“A música que está tocando bastante nas rádios é ‘Máquina e o tempo’, o público também está respondendo nos shows”, informa o baixista, que elegeu “Ninguém mais” como sua canção favorita deste CD. O clipe de “Cassino Boulevard”, disponível no YouTube, conta com mais de meio milhão de acessos – outro bom resultado.

Sem fronteiras

Do sucesso da banda católica com pessoas de religiões distintas, Feltrin explica que o segredo é o respeito que os integrantes têm por quem os ouve. “A gente sempre tratou com respeito, independente de religião. Eles se sentem respeitados, não se sentem invadidos e, também, sempre fomos próximos dos nossos projetos”.

Novidades

E falando em projetos, em 2013, a Rosa de Saron completa 25 anos de atividades. Por isso, eles já estão preparando algumas surpresas para comemorar a data. “Estamos pensando em muitas coisas para o próximo ano, mas ainda não podemos adiantar nada, a não ser que iremos fazer algo marcante para a vida da gente e dos fãs”.

Serviço

o que é: Show da banda Rosa de Saron

onde:  Planeta Talismã, na avenida Max Teixeira, Cidade Nova

quando: Domingo, dia 25, a partir das 18h

info: (92)  9250-9037