Publicidade
Entretenimento
Livro Bernardo o Cronista

Bernardo Cabral é homenageado por Academia Amazonense de Letras e Rede Calderaro de Comunicação

Livro é coletânea de artigos publicados pelo ex-senador no jornal A Crítica entre os anos de 2008 e 2012 18/05/2012 às 21:56
Show 1
Bernardo Cabral é homenageado com lançamento de livro que é coletânea de crônicas escritas por ele
Cassandra Castro Manaus

Reverência à gratidão. Este foi o sentimento externado pelo jurista amazonense , ex-senador e jornalista Bernardo Cabral durante a homenagem feita a ele na noite desta sexta-feira (18), na sede da Academia Amazonense de Letras (AAL), centro de Manaus. A homenagem  foi realizada pela passagem do aniversário de 80 anos do ex-senador completados em abril de 2012.

A ideia de lançar  o livro ‘Bernardo Cabral, o cronista’, surgiu de uma conversa entre velhos amigos e admiradores do jurista que decidiram  surpreendê-lo com uma coletânea das crônicas publicadas aos domingos por Cabral na página Opinião do jornal A Crítica no período de 2008 a 2012. Bernardo que também é imortal da Academia Amazonense de Letras, recebeu muitos elogios durante a solenidade feitos por amigos e também imortais como o  jornalista  e atual presidente da AAL ,Arlindo Porto e do médico e acadêmico Cláudio Chaves.

O diretor jurídico da Rede Calderaro de Comunicação e conselheiro da Editora Cultural da Amazônia, Júlio Antônio Lopes falou sobre Bernardo Cabral que logo no início de A Crítica chegou a trabalhar como colaborador do jornal,tendo inclusive a carteira assinada pelo próprio Umberto Calderaro Filho. Em seu discurso, que Bernardo Cabral fez questão de fazer do púlpito do salão da Academia, relembrou os momentos difíceis que viveu durante a cassação de seu mandato pelo Ato Institucional 5 e reiterou a gratidão a todos os presentes e as amigos , muitos que não via há muito tempo. “Só posso dizer a todos: obrigado, obrigado, obrigado”, finalizou o ex-senador.

Depois das homenagens, o escritor autografou o livro para os convidados presentes.