Publicidade
Entretenimento
Vida

'Caboquinha in concert': Lucinha Cabral canta sua obra

A primeira parte do evento faz parte da Série Guaraná, na qual a Oca executará a obra “Suíte Retratos”, de Radamés Gnattali, tendo como convidados Rosilvado Cordeiro e o grupo Jacobiando. Em seguida será a vez do show de Lucinha Cabral 10/01/2013 às 09:02
Show 1
Acompanhada da Orquestra da Câmara do Amazonas, cantora relembrará sucessos de seus 30 anos de carreira
Rafael Seixas Manaus, AM

A Orquestra de Câmara do Amazonas (Oca) convidou Lucinha Cabral para dividir o palco no Teatro Amazonas, dia 20 de janeiro, às 19h, no concerto que terá a cara da caboquinha amazonense, trazendo no repertório cinco canções de sua autoria.

A primeira parte do evento faz parte da Série Guaraná, na qual a Oca executará a obra “Suíte Retratos”, de Radamés Gnattali, tendo como convidados Rosilvado Cordeiro e o grupo Jacobiando. Em seguida será a vez do show de Lucinha Cabral.

As músicas da cantora a ser tocadas são “Curupira”, que é um trabalho feito em parceria com o poeta Anibal Beça (1946-2009); “Brasileira”, música e letra de Lucinha, considerado um dos clássicos da música popular amazonense; “Molecagem”, um sambinha, como a própria afirma, safadinho; “Acauã”, primeira composição de sua autoria, ainda nos anos 80; e “KD”, música inédita que faz uma homenagem, uma espécie de desabafo a respeito dos artistas de rua. “Ela fala desses artistas que ficam jogando bolinhas nos sinais (de trânsito). É uma história que ficou no estilo Chico Buarque, sem querer ser pretensiosa”, informou a cantora.

Ritmo e movimento

Esta será a primeira vez que Lucinha irá cantar acompanhada de uma orquestra. Sobre essa nova experiência, ela disse que há muito tempo sonhava com este encontro.

“Sou uma cantora com uma voz muito jazzística, apesar de ser amazonense nas composições, de ser uma cantora caboquinha do Amazonas, mas trago uma linha que as pessoas gostam, melodicamente uma voz jazzística. Tenho também um pezinho na senzala, gosto de swing, batuque, tambor, percussão. Vai ser interessante mostrar isso nesse trabalho junto da orquestra”, destacou artista, complementando que a grande expectativa para a noite do concerto será cantar “KD”, por ser a primeira vez que vai apresentá-la.

Novos ares

Ainda de acordo com Lucinha Cabral, ela está esperando a pauta de eventos do projeto Tacacá na Bossa deste ano para apresentar os seus novos trabalhos, entre eles uma música feita para homenagear o caboclo amazonense.  “Disse que em 2012 iria dormir, mas que em 2013 iria despertar novamente”, finalizou. A cantora também pretende gravar um novo álbum este ano.

Serviço

o que é:   Concerto da Orquestra de Câmara do Amazonas  com apresentação de Lucinha Cabral

onde: Teatro Amazonas, localizado no Largo de São Sebastião, Centro

quando: Dia 20 de janeiro, às 19h

quanto: Entrada franca