Publicidade
Entretenimento
Buzz

Carolina Dieckmann fala sobre fotos roubadas pela primeira vez

A atriz contou à jornalista Patricia Poeta que estava em São Paulo quando as fotos vazaram e que a primeira coisa que fez ao receber a notícia foi pedir que a empregada desligasse a internet 15/05/2012 às 07:21
Show 1
Carolina Dieckmann fala sobre fotos roubadas em entrevista ao "Jornal Nacional" (14/5/2012)
uol/celebridades ---

"Fica uma sensação de faca no peito", disse Carolina Dieckmann em entrevista ao "Jornal Nacional" desta segunda (14), sobre o caso do vazamento de suas fotos nua. Foi a primeira vez que a atriz conversou com um veículo abertamente sobre o assunto.

A atriz contou à jornalista Patricia Poeta que estava em São Paulo quando as fotos vazaram e que a primeira coisa que fez ao receber a notícia foi pedir que a empregada desligasse a internet. "Recebi uma mensagem do meu empresário dizendo que as fotos tinham vazado, a primeira coisa que fiz foi ligar na minha casa e pedir para minha empregada: 'Ana desliga a internet'. Fiquei muito nervosa, meu filho já estava em casa e eu fiquei com muito medo de ele ver alguma daquelas fotos e eu não estar lá para explicar", disse. "Fui pra casa de uma amiga, tive que tomar um calmante. Fiquei muito nervosa de não estar com a minha família nesse momento", completou.

"Nunca tirei uma foto nua e isso não é só uma questão de moral. Poderia fazer um filme nua ou alguma cena de novela, mas o fato de me expor nua tem muito a ver com o fato de ter um filho de 13 anos. Eu sempre coloquei isso abertamente", explica. Carolina tem um filho com o ator Marcos Frota, Davi, e outro com o atual marido, o diretor Tiago Worcman, chamado José. "Na hora que tudo isso aconteceu, a única coisa que pensei foi: 'O que é pior? Uma mãe nua ou uma mãe que aceita uma chantagem?'"

Apesar da preocupação, Carolina diz que o filho foi muito maduro e não só entendeu como respeitou o seu espaço, dizendo que era uma coisa dela e relativa ao seu trabalho e fama. "Ele disse que se alguém perguntasse alguma coisa ele ia dizer: 'Não, isso é coisa da minha mãe'", conta. "Ele me deu muita força e acho que está orgulhoso de mim", disse com lágrimas nos olhos.

Dieckmann também falou que o marido foi um apoio importante nessa hora. "Foi muito bom pra mim ter o apoio dele. Lembro que estava no carro chorando e ele me disse: 'Calma, você é linda, as fotos eram pra mim, tá tudo certo'", diz. Para a atriz, o turbilhão de coisas acontecendo não era só relativo a sua família, mas também foi um problema para sua imagem e carreira. "O mais louco, Patricia, foi que eu não fiz nada de errado", desabafou.

"Acho que agora eu vou poder voltar a viver, enquanto não aparecesse essas pessoas, acho que não seria possível ficar totalmente traquila. Minha vida estava em suspenso", disse. Dieckmann também disse que em nenhum momento cogitou aceitar a chantagem. "O pior pra mim foi uma pessoa tentar tirar dinheiro de mim com uma informação que ela não tem direito. Não é dele essa informação, é minha". "O que você espera?", perguntou Patricia Poeta. "Justiça", finalizou a atriz.

 

Fotos de Carolina vendidas em camelô

Parece que a polêmica envolvendo as 36 fotos da atriz Carolina Dieckmann nua na web ganhou as ruas. Segundo a coluna de Ancelmo Gois do jornal “O Globo” deste domingo (13), algumas fotos intimas da atriz estão à venda em banca de camelô no Centro do Rio de Janeiro.

Entenda o caso

Uma série de fotos que retratam a atriz Carolina Dieckmann nua cairam na internet na tarde da sexta-feira (4). As 36 imagens estão hospedadas em um site de compartilhamento. Procurada pela reportagem do UOL, a assessoria de imprensa da atriz não comentou imediatamente, e disse que não conhecia as imagens. Informou que se pronunciaria "o mais breve possível".

Em uma das fotos, a atriz posa sentada em um vaso sanitário. Em outra, está deitada numa banheira, coberta por água. Ela usa o próprio celular para fazer algumas das imagens. Em outras, é clicada por outra pessoa, que não aparece.