Publicidade
Entretenimento
VIDA E FOTOS

Casal do AM mostra no YouTube o cotidiano de trabalhar com fotografia no Canadá

O projeto, que já vinha sendo discutido há algum tempo pelos dois, só tomou forma agora por conta de um pequeno detalhe: o frio canadense 23/10/2017 às 17:38 - Atualizado em 25/10/2017 às 08:43
Show bv0123 01f
(Foto: Divulgação)
Tiago Melo Manaus (AM)

Há pouco mais de um ano, Rodrigo Tomzhinsky, de 31 anos, e Thaís Tabosa, de 26 anos, decidiram seguir um sonho e viver a aventura de se mudar de Manaus para Vancouver, no Canadá. A experiência, que por si só já exigira bastante dos dois por conta da adaptação e de tudo que demanda morar em um novo país, se torna ainda mais desafiadora devido à profissão (e paixão) que o casal escolheu para a vida: a fotografia. E foi com o intuito de falar sobre esses assuntos que eles criaram um canal no YouTube, o ‘Thaís & Tom’.

Tom conta que a ideia para fazer o canal surgiu naturalmente após os dois receberem constantemente, de amigos, familiares e conhecidos, diversas perguntas sobre fotografia, a vida no exterior, como viver da profissão e muito mais. “Criamos o canal porque as pessoas pediam. Sempre ouvíamos perguntas de como é a vida no Canadá, como fazer para mudar para cá e, também, muita perguntas sobre fotografia, dicas para ensaios, etc. O canal foi a forma interessante que encontramos de compartilhar nosso conhecimento”, comentou ele.

Para Thaís, que tem 10 anos de experiência no ramo da fotografia, o canal é também uma forma de retribuir tudo o que ela aprendeu na internet. “Eu aprendi a fotografar com conteúdo na internet, então, assim, sou muito grata a todas as pessoas que já compartilharam conteúdo de graça porque foi isso que me trouxe até aqui. Pensar que agora posso ajudar e influenciar uma pessoa que está começando é muito legal”, afirmou ela.

Ócio criativo

O projeto, que já vinha sendo discutido há algum tempo pelos dois, só tomou forma agora por conta de um pequeno detalhe: o frio canadense. De acordo com Thaís, no momento eles estão no outono e, por conta do clima, os ensaios de nudez na natureza – uma especialidade do casal – estão mais escassos, o que lhes possibilita ter mais tempo livre para se dedicarem a projetos paralelos.

“Está sendo difícil fazer os ensaios com as modelos nesse frio, então estamos com mais tempo livre no final de semana. Aproveitamos isso e o fato de que a galera estava interessada nesse tipo de conteúdo e começamos a produzir o material”, disse Thaís. “Foi a melhor hora para começarmos esse projeto, afinal teremos aí pela frente cerca de seis meses de muito frio no qual não teremos ensaios de nudez ao ar livre”, completou Tom.

Feito para o público

Com dois vídeos publicados, cerca de 170 seguidores e um total de mil visualizações, ‘Thaís & Tom’ ainda é um canal pequeno, mas que conta com uma participação intensa do público nos comentários e nas redes sociais do casal. De acordo com Tom, que ao lado de Thaís já gravou os próximos cinco vídeos, a idéia é ir lançando o material aos poucos e ir acompanhando a resposta do público.

“Já temos cinco vídeos gravados. Ainda não os lançamos porque queremos saber das pessoas que nos assistem o que elas estão achando, o que elas querem ver nos próximos vídeos, etc. E também porque falta a gente editar eles. Essa é a parte mais demorada, até mesmo mais do que a gravação”, brincou Tom.

Vivendo e aprendendo

Tendo que conciliar o trabalho, com a vida relativamente nova no Canadá, e os percalços desse novo projeto, Thaís afirma que os dias tem sido de um constante aprendizado.

“Por enquanto estamos só engatinhando. Estamos aprendendo como que fala para a câmera, a editar dos vídeos, a se adaptar ao ritmo de vida daqui e muito mais. É uma coisa bem integrada: os dois pensam no roteiro, o Tom ajusta a câmera, eu cuido do áudio e da edição e no final um se mete no trabalho do outro”, disse ela

Thaís ressalta ainda que o plano no futuro é integrar o canal ao trabalho diário e fazer dele também uma fonte de renda para o casal, mas sem deixar de lado a paixão pelo assunto.

Com a estimativa inicial de postar um vídeo por semana, Tom conta que caso o retorno do público seja positivo, eles devem aumentar a periodicidade e o escopo do canal. “Queremos nos dedicar cada vez mais a ele, trazer convidados, temas variados, fazer um conteúdo educativo, quem sabe fazer uns reviews de equipamento, mostrar as belezas daqui, enfim, torná-lo mais e mais interessante sempre”, concluiu Tom.