Publicidade
Entretenimento
Vida

Células-tronco encontradas na polpa dentária também são versáteis, aponta pesquisa

Estudos recentes apontam que elas também podem ser usadas principalmente na reconstrução de ossos 21/09/2012 às 14:58
Show 1
Células-tronco encontradas na polpa dentária são tão versáteis quanto as encontradas no cordão umbilical
--- ---

A ciência mais uma vez descobre fontes alternativas de células-tronco para serem usadas em diversas frentes terapêuticas. Estudos recentes comprovaram que os dentes de leite são uma ótima fonte de células-tronco. Neles podem ser encontradas células estromais mesenquimais. Estas são muito semelhantes às encontradas na medula óssea e no sangue do cordão umbilical. Outra vantagem também apontada pelos estudos é o fácil acesso que descomplica o armazenamento.

A Dra. Adriana Homem, médica responsável técnica do BCU Brasil explica as vantagens oferecidas por esta nova fonte de células-tronco.  "Com os avanços nos tratamentos para Acidente Vascular Cerebral e várias doenças que causam cegueira, esta alternativa torna-se a cada dia mais viável. Apesar de o número de células-tronco encontradas na polpa dentária ser menor do que as encontradas em outras fontes, como no cordão umbilical, por exemplo, ela vai de encontro com o tratamento das doenças citadas anteriormente, que exigem uma quantidade menor de células-tronco se formos comparar a casos de doenças como a Leucemia", por exemplo.

A tecnologia para a retirada e principalmente cultura e criopreservação já é uma realidade. O grupo BCU-WORLD já realiza em outros países este procedimento. Um exemplo disso é o México, onde há a Dentcell, que é uma empresa do grupo que armazena essas células desde 2011. No Brasil esperam-se as autorizações dos órgãos competentes para poder dar este importante passo.  "Com a velocidade que as terapias celulares avançam, assim como as pesquisas sobre o tema, todas as oportunidades devem ser exploradas, afinal, isto faz parte do futuro da ciência e da medicina", afirma a Dra. Adriana.