Publicidade
Entretenimento
Vida

Chiropatia pode ser a resposta para 98% dos casos de dor nas costas, diz especialista

A Chiropatia não é uma técnica de massagem como muitos pensam. O chiropata tem conhecimentos sobre a coluna como um cardiologista possui em relação ao coração e um neurologista tem sobre o Sistema Nervoso 24/01/2014 às 11:06
Show 1
Convém apostar em uma especialidade ainda pouco conhecida dos brasileiros
acritica.com ---

Sejam pequenas pontadas ou fortes incômodos até na hora de dormir, as dores nas costas podem ser o sinal de que algo mais grave está acontecendo. Essas queixas físicas são comuns, com intensidades variadas (leves ou extremas, rápidas ou constantes e com causas distintas). Por exemplo, a dor pode ter origem na coluna vertebral, músculos, nervos ou a partir de outras estruturas na região e se irradiar a partir de outros órgãos, como os rins ou ovários. Grave, não?

Então, antes de iniciar tratamentos mais tradicionais, como medicamentosos e até intervenções cirúrgicas, o Dr. Coluna, Flávio Calixto, formado em Chiropratia pela americana Parker University e Presidente do Instituto Brasileiro de Coluna, garante que convém apostar em uma especialidade ainda pouco conhecida dos brasileiros. “Precisamos entender que a dor é uma amiga, pois é ela que nos avisa de que algo está errado. Uma vez que a ouvimos, precisamos nos certificar se o que está sendo indicado é invasivo e a única solução mesmo, pois nesses mais de trinta anos de experiência com a utilização da Chiropatia sei que mais de 98%  dos casos podem ser resolvidos com consultas simples”, revela.

A Chiropatia não é uma técnica de massagem como muitos pensam. O chiropata tem conhecimentos sobre a coluna como um cardiologista possui em relação ao coração e um neurologista tem sobre o Sistema Nervoso. “É uma ciência preventiva e recuperadora. Por meio dela é possível manter a saúde das articulações e garantir a defesa do organismo, pois ela restabelece a comunicação entre corpo e cérebro”, conta.

Sobre 

O Instituto Brasileiro de Coluna é a maior instituição de tratamento não cirúrgico da coluna da América Latina, com mais de 98% de êxito entre seus pacientes. As soluções apresentadas pelos profissionais formados no local baseiam-se na Chiropatia (utilização de impulsos manuais para estimular músculos, vértebras e órgãos para a melhor circulação da raiz neurológica com a medula) sem o uso de medicamento ou cirurgia.

O Instituto Brasileiro de Coluna foi fundado em 1997 pelo Dr. Flávio Calixto, pioneiro em Chiropatia no país.