Publicidade
Entretenimento
Vida

Cine & Vídeo Tarumã da UFAM traz filmes argentinos em sua programação

“Medianeras - Buenos Aires na Era do Amor Virtual”  e “Um Conto Chinês” são dois dos filmes escolhidos para representar a produção cinematográfica do país vizinho ao Brasil 22/10/2012 às 08:23
Show 1
A pequena mostra argentina chega ao fim na sexta-feira (26)
a crítica Manaus, AM

Na próxima semana, o Cine & Vídeo Tarumã da UFAM traz em sua programação filmes do novo cinema argentino. Alguns críticos consideram que o país possui uma das filmografias mais interessantes da atualidade e que se destaca mundialmente, tendo, inclusive, conquistado o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 2010 com “O Segredo dos Seus Olhos”, dirigido por Juan José Campanella, já exibido no Cine Tarumã.

O cinema argentino conta com Instituto Nacional de Cinema e Artes Audiovisuais (INCAA), que, com quase 20 anos de atividades, é dotado de orçamento para fomentar a indústria cinematográfica, administrando escolas de formação e apoiando a realização de filmes em todas as etapas, incluindo a exibição.

O filme que inicia a semana, na segunda-feira, 22, é “Medianeras - Buenos Aires na Era do Amor Virtual” , de Gustavo Taretto. O longa-metragem conta a história de Martin, Mariana e seus desencontros. Eles vivem na mesma cidade, na mesma quadra, em apartamentos um de frente para o outro, mas nunca conseguem se encontrar, exceto virtualmente, onde conseguem se relacionar.

No dia seguinte, terça-feira, 23, o filme exibido é “Dois Irmãos”, do premiado Daniel Burman. Após sessenta anos vivendo embaixo das asas de sua mãe, Marcos, um educado e delicado ourives, acredita ter encontrado a liberdade com a morte dela. Agora ele tem 64 anos e vários problemas que restaram dos anos divididos.

A pequena mostra argentina chega ao fim na sexta-feira, 26, com a exibição do filme que atraiu mais de um milhão de espectadores na Argentina: o divertido “Um Conto Chinês”, de Sebastian Borensztein.

O longa acompanha Roberto, interpretado pelo excelente e premiado Ricardo Darín, um veterano da Guerra das Malvinas que vive recluso em sua casa há vinte anos e coleciona manias, e Jun, protagonizado por Ignacio Huang, um chinês que aparece na vida de Roberto depois de ser roubado em Buenos Aires.