Publicidade
Entretenimento
Ano da Alemanhã

Comemore o Ano da Alemanha no Brasil saboreando pratos típicos

2013 é o Ano da Alemanha no Brasil , e para você que ainda não conhece nenhum prato deste País, não faltam opções onde saboreá-los em Manaus 26/02/2013 às 11:25
Show 1
O gerente Rolf Jost brindando o ano da Alemanha no Brasil
Felipe de Paula Manaus

No ano da Alemanha no Brasil, promovido pelo governo dos dois países a fim de estimular trocas mútuas de conhecimento e cultura, não vão faltar boas opções de pratos

típicos do País europeu na capital amazonense. Em Manaus, há pelo menos dois lugares em que se pode conhecer o que há de melhor da culinária germânica.

A Kasa do Alemão (Av. São Jorge, 1986, São Jorge - 3238-4504), localizado  acima do famoso Porão do Alemão, do mesmo dono, prepara pratos alemães típicos sob encomenda. Segundo a cozinheira e administradora do local, a catarinense Indianara Lauschner, pratos como o “eisbein”, o famoso joelho de porco, são muito apreciados pelos clientes brasileiros. Ele sai por cerca de R$ 120  num prato para duas pessoas e acompanha os clássicos chucrute e batata sauté. O coelho guizado e marreco recheado com repolho roxo (ambos a R$ 120, para duas pessoas), também levam o toque da tradição de gerações da família Lauschner. “Minha avó costumava preparar esses pratos. Já eu aprendi com a minha mãe. É tudo bem à moda alemã”, garante Indianara, que preparou a Cuca, típica sobremesa alemã, para as fotos desta edição.

Quem também é um divulgador da culinária germânica na cidade é o alemão Rolf Jost, que comanda o espaço Frankfurt Alimentos Finos, uma espécie de cantina de degustação, onde é possível experimentar as deliciosas salsichas de vitelo, assim como outros petiscos típicos (ao todos são 29), a preços bem razoáveis. Além disso, o cliente também tem a possibilidade de levar para casa tudo o que pode experimentar na loja, como o chucrute (a partir de R$ 4,60) e as salsichas (a partir de R$ 20 o quilo).

“Abrimos a loja com o objetivo de divulgar a culinária alemã. Nós já revendíamos nossos produtos para os supermercados, mas nem os donos desses estabelecimentos conheciam esses produtos, então resolvemos abrir uma loja para degustação”, diz Rolf, ainda com forte sotaque de sua terra natal. No espaço, localizado na Rua Paul Adams, no Conjunto Jardim Oriental (telefone: 3632-0350), Parque 10, os dias de sexta-feira e sábado são reservados aos pratos mais elaborados, como o Joelho de Porco (R$ 40) e até clássicos da cozinha do Leste Europeu, como o Beef Tartare (Rússia – R$ 20) e o Goulasch (Hungria – R$ 15).

Comida forte

Uma das características mais marcantes da culinária alemã é a força de seus ingredientes, quase sempre muito gordurosos, mas (ou por isso mesmo) extremamente saborosos. “A comida alemã é tradicionalmente mais forte, porque na Alemanha é muito frio e pra enfrentar o inverno era preciso o alimento estar carregado de mais gordura”, explica Indianara. Confira aqui uma receita tipicamente germânica.