Publicidade
Entretenimento
Vida

Confira as estreias do cinema

Comédia, suspense e ficção nos cinemas amazonenses 21/09/2012 às 11:18
Show 1
Ursinho mau humorado e politicamente incorreto diverte em comédia
Acritica.com ---

O filme ‘Ted’ dá asas a imaginação nas telinhas

No aniversário de quatro anos de namoro, John Bennett recebe um ultimato de sua namorada: ou ela ou o urso de pelúcia

Um ursinho de pelúcia falante vai animar as telinhas do cinema neste final de semana. No filme “Ted”, que estreia nesta sexta-feira (21) nos cinemas, John Bennett (Mark Wahlberg) e o ursinho serão protagonistas de muitas aventuras.

O narrador do filme, interpretado por Patrick Stewart (de “X-Men Origens: Wolverine”, de 2009), garante que não há nada mais poderoso do que o desejo de uma criança. Assim, na manhã seguinte, Ted acorda falante e, rapidamente, torna-se uma grande celebridade.

A história foi escrita e dirigida por Seth MacFarlane, criador da série animada “Family Guy”.

Só a performance de Robert De Niro salva

A novata Elizabeth Olsen está no elenco

O novo filme de Robert De Niro, “Poder Paranormal” estreia nesta sexta-feira (21), com grandes expectativas e pretensões de sucessos nas bilheterias. O filme será sobre poderes paranormais e charlatanismo.

Para os críticos, o roteiro de “Poder Paranormal” não agradou porque é mal desenvolvido e cheio de pontas soltas, deixando todas as histórias paralelas sem conclusão. Aparentemente, o maior atrativo da produção, talvez o único, é Robert De Niro.

Para os amantes de pancadaria este é o filme perfeito

Pra quem curte porrada

Ao ver algumas cenas de “Dredd”, lembramos logo em seguida de “Robocop”. Como o policial do longa de 1987, o Juiz Dredd deste filme é um vigilante a serviço da lei, com autonomia para perseguir, julgar e executar suspeitos sumariamente, em um futuro sombrio e decadente.

A semelhança é natural, pois os dois personagens bebem da mesma fonte: a HQ inglesa “Judge Dredd”.

Impróprio para humanos, “Dredd” só tende a agradar aos bárbaros que acham que o papel da polícia é atirar primeiro e perguntar depois. O filme é repleto de ficção.