Publicidade
Entretenimento
Vida

Conheça alguns métodos pra se livrar das 'importunas acnes'

Para evitar que este terrível ciclo comece a atormentar seu rosto, confira algumas dicas para cuidar da pele e mantê-la protegida deste mal 12/11/2012 às 09:34
Show 1
Existem tratamentos específicos para acne, estourá-las com as unhas é um péssimo remédio
gabriele bessa ---

A fase da adolescência geralmente é repleta de mudanças, transtornos e perguntas mal compreendidas, e um dos problemas mais comuns e ‘aterrorizantes’ neste período é as doenças que afetam a pele da garotada: os ‘famosos’ cravos e espinhas.

As mudanças hormonais alteram completamente o corpo e as emoções dos adolescentes, mas nada incomoda tanto como a mudança no cartão de visita dos ‘pobres jovens’: A FACE!

Os jovens que têm a pele oleosa são mais propícios a obterem esta doença, chamada genericamente de acne. A acne pode aparecer em qualquer idade.

Alguns truques para manter a pele sem acne

Para evitar que o ciclo comece, os especialistas recomendam alguns cuidados. O primeiro é lavar o rosto duas vezes por dia com sabonete antibactericida ou próprio para a doença. O segundo é evitar o excesso de sol e proteger-se sempre com filtros solares em gel, que não são gordurosos e não aumentam a oleosidade.

Também é bom ficar longe das receitas caseiras, que recomendam desde pasta de dente até cremes multiuso para enfrentar as espinhas, produtos que podem causar manchas, alergias e queimaduras. Existem na verdade, cremes e medicamentos específicos que ajudam a controlar o problema, mas eles devem ser sempre indicados por um dermatologista.

Vale lembrar que tentar se livrar dos cravos e espinhas com as unhas é um péssimo remédio, pois as bactérias encontradas nas ‘garras’ só as inflamarão. O chocolate não tem nada a ver com a acne. Não existem comprovações de que alguns alimentos provoquem cravos e espinhas, mas o ideal é evitar. Mantenha a ingestão de gorduras sempre sob controle.

Se você usa maquiagem, limpe sempre muito bem a sua pele com produtos adstringentes de qualidade e use uma espuma macia para aplicá-los. Há produtos de maquiagem desenvolvidos especificamente para peles oleosas e acneicas.
Em casos graves, até mesmo a suplementação ou controle hormonal é necessária, mas sempre com auxílio médico.

Evite tomar banhos muito quentes. A água quente retira a oleosidade natural da pele e estimula as glândulas sebáceas a produzir mais óleo para compensar. O ideal é a água morna ou fresca. Use sabonetes específicos para pele oleosa ou para pele acneica que não agridam a pele.

Usar lencinhos umedecidos é um mito. Eles só aliviam o desconforto e podem promover uma maior excreção de sebo. É melhor usar lenços de papel. O corte de cabelo também influencia. Cabelos compridos ou com franjas podem favorecer a passagem da oleosidade dos cabelos para o rosto.

Esses métodos citados anteriormente são apenas pequenas dicas de como melhorar o problema dos cravos e espinhas, mas para um tratamento intensivo é necessário ajuda de um profissional, no caso especifico um dermatologista.